Projeto estimula diálogos para o fortalecimento do cenário local da produção cultural

O projeto “Arte como trabalho: intercâmbios dos fazeres da produção cultural” propõe-se a abrir espaços para compartilhamento de estratégias e perspectivas de atuação. Por meio de encontros virtuais, busca-se estabelecer conexões e entender o cenário da produção cultural nas regiões Central, Sul e Planalto Médio do Rio Grande do Sul.

Com o tema “Formação, fomento e fortalecimento de redes de trabalho na produção cultural”, os encontros dialogam sobre o presente, afetado pela pandemia, e o futuro da profissão. Sob o viés da experiência profissional dos palestrantes e dos territórios que ocupam – importantes pólos de desenvolvimento cultural no RS – os diálogos se colocam como lugar de construção e retomada das relações de redes de trabalho na produção cultural.

Os encontros acontecem no mês de agosto; as inscrições são gratuitas e limitadas, e devem ser feitas até 31 de julho, pelo site linktr.ee/projetoartecomotrabalho. Os palestrantes são Raquel Guerra, Daniel Amaro e Mara Cavalheiro, profissionais atuantes e com vasta experiência em produção cultural. A mediação é da gestora cultural Jane Schoninger.

Projeto executado através do Edital Criação e Formação Diversidade das Culturas realizado com recursos da Lei Aldir Blanc nº 14.017/20.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Projeto Arte como trabalho: intercâmbios dos fazeres da produção cultural
Tema: Formação, fomento e fortalecimento de redes de trabalho na produção cultural

Programação:

03/08 – Região Central
Palestrante: Raquel Guerra
É coordenadora do Grupo de Pesquisa Cinecirco/CNPq, em Santa Maria. Atua com produção, pesquisa e criação de espetáculos de teatro, circo e produção audiovisual.

04/08 – Região Sul
Palestrante: Daniel Amaro.
É coreógrafo, bailarino e pesquisador, com atuação em Pelotas. Atua em projetos sociais de manifestações populares e cultura afrodescendente.

05/08 – Região Planalto Médio
Palestrante: Mara Cavalheiro.
Atuante em Passo Fundo, é produtora cultural, com experiência com cenografia. É sócia fundadora do grupo de teatro Timbre de Galo.
Mediadora: Jane Schoninger, coordenadora da área técnica de cultura do Sesc. Gestora cultural, com mais de 20 anos de experiência em produção cultural.

Inscrições e informações: linktr.ee/projetoartecomotrabalho – até 31/07

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Fonte: Cati Carpes
Refazenda Comunicação

Sobre Deco Rodrigues 6702 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*