Peça “Clarisse – A Solidão Devora” estreia neste quinta em Pelotas

A Companhia Teatral VIDA apresenta nesta quinta-feira (28), na Biblioteca Pública Pelotense, o espetáculo “Clarisse – A Solidão Devora”. Com direção de Cid Branco, e Albert de Souza, Larissa Rosado e Maria Sucar no elenco, a peça fará sua estreia, às 20h, no prédio histórico.

Foto: Roberto Ávila

Com classificação indicativa de 16 anos, a peça conta a história de uma menina que se automutila e pensa em suicídio como forma de expulsar sua solidão. A trama também aborda as violências do cotidiano que desencadeiam a solidão de Clarisse.

O roteiro é assinado por Larissa Rosado, que também é responsável por interpretar a Clarisse. A ideia do enredo, segundo Cid, surgiu em uma conversa em que Larissa lhe mostrou a música “Clarisse” da Legião Urbana. A partir de então, os dois começaram a aprofundar o estudo sobre o tema da depressão e na sequência deram início aos ensaios.

Expressionismo para refletir

Segundo o diretor, a peça busca a atenção do público a todo o momento, usando de imagens simbólicas para representar momentos vividos pela personagem principal. Baseando-se no coreógrafo norte-americano Bob Wilson, o espetáculo segue a estética expressionista. Nesse sentido, a imagem torna-se, em muitos momentos, mais importante que o texto.

Foto: Roberto Ávila

A trama se passa, na maior parte do tempo, dentro da cabeça da Clarisse. Seus sentimentos e lembranças são representados por dois personagens, interpretados por Albert e Maria, nos papéis da consciência e da inconsciência.

Ao abordar um tema delicado, como a depressão de uma juventude sem perspectivas, o espetáculo faz uma denúncia à violência, à falta de empatia e a opressões que acometem nossa sociedade atual. Ao final da apresentação haverá uma roda de conversa sobre o tema com a participação da psicóloga Márcia Lima.

Sobre a Companhia

A Cia. Teatral V.I.D.A (Vivendo, Interpretando e Distribuindo Arte) é uma Companhia situada em Pelotas que tem por objetivo levar a arte aos mais diversos lugares, proporcionando conversas, discussões e debates sobre temas recorrentes na sociedade. Além disso, a Cia. acredita que o contato com a arte é fundamental para o desenvolvimento do pensamento crítico, cultural e social de cada lugar, procurando assim, incentivar essa troca de saberes com diferentes públicos.

Foto: Roberto Ávila

Os antecipados para o espetáculo desta quinta, no valor de R$ 15,00, podem ser adquiridos na página da Cia. Teatral VIDA. Na hora, o valor da entrada inteira será de R$ 20,00, com meia entrada mediante apresentação de carteirinha. Na próxima quarta-feira (dia 04), a peça será apresentada no IFSul, às 20h, com entrada franca para estudantes e servidores.

Espetáculo Teatral Clarisse
Quando: quinta-feira, 28/11, às 20h
Onde: Bibliotheca Pública Pelotense
Quanto: R$ 15,00 (antecipado); R$ 20,00 (no evento); meia-entrada: R$ 10,00 (apenas na hora e com apresentação de carteirinha)
Evento Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *