Feira do Livro: E o Cachê?

Boatos circulam na cidade a cerca dos cachês dos músicos que se apresentarão no palco da Feira do Livro de Pelotas 2009. O e-Cult entrou em contato com a Secult (Secretaria Municipal de Cultura), para saber informações. A resposta foi a de que eles não teriam nenhuma informação sobre a Feira do Livro, nem mesmo sobre a lista e datas em que os artistas estarão se apresentando – isso faltando quatro dias para o primeiro dia da Feira.

Foto: Isis Araújo
Foto: Isis Araújo

O e-Cult entrou em contato também com Carlos Ferreira, Produtor da Feira do Livro de Pelotas 2009, o qual informou que os cachês para as apresentações durante a Feira dependem de um patrocínio – que ainda não foi confirmado – e acreditam existir a possibilidade deste patrocínio não acontecer.

Segundo Carlos Ferreira, amanhã deverá ser divulgada a lista das apresentações na Feira, e o mesmo disponibilizou-se a enviar ao e-Cult informações. Assim que recebermos publicaremos no site.

Texto: Deco Rodrigues – Equipe-Cult

Leia Também:

Feira do Livro: E o Cachê? Resposta

Paralelo 31°: Arte Contemporânea em Pelotas até 22 de Novembro

Paralelo 31°O Instituto João Simões Lopes Neto está divulgando o “Paralelo 31°: Reverberações da Arte Contemporânea em Pelotas” – um circuito de arte que acontece paralelamente à Bienal do MERCOSUL com o intuito de aproveitar essa efervescência cultural, mapeando as exposições que estariam acontecendo nas datas entre 22 de outubro e 22 de novembro, além de articular outras exposições em espaços alternativos ao circuito. Este projeto iniciou-se na disciplina de Prática Profissional do Curso de Artes do Instituto de Artes e Design (IAD) da UFPel.
Ainda no Instituto João Simões Lopes Neto, acontecerá no dia 29 de outubro às 10h projeções de vídeo-arte e palestras do historiador de arte Paulo Silveira, que irá falar sobre “o Livro como Veículo de Criação Artística”, e da historiadora e crítica de arte Neiva Bohns, que irá falar sobre “Arte Contemporânea” no dia 05 de novembro, às 18h.
No blog  do Paralelo 31° háoutras informações, como uma galeria de arte virtual, e também um mapa da cidade com os locais de exposição.

O quê: Paralelo 31°

Quando: de 22 de outubro à 22 novembro, às 19h.

Onde: Instituto João Simões Lopes Neto, D. Pedro II, n° 810

Leia mais: http://www.ufpel.edu.br/iad/paralelo31/

*Abertura No Bar e Café Monjolo, a partir das 21h30min, com a banda Quarto de Rosa, na rua Conde de Porto Alegre, 221.

Texto: Isis Araújo – Equipe eCult

Feira do Livro 2009 toma forma no Centro de Pelotas

pa100005Em meio a arvores, fios elétricos, estruturas metálicas e trabalhadores, a Feira do Livro está renascendo na Praça Coronel Pedro Osório.

Os 27 livreiros de diversas cidades da zona sul aguardam com expectativa a abertura do evento, que contará com shows de dança, música e teatro.

Expectativa igualmente nossa em prestigiar este marco da cultura pelotense.

Parabenizamos a todos os incentivadores e coordenadores do evento, já que cultura e literatura são essenciais para educar, oferecer conhecimento, desenvolvimento e lazer à sociedade.

Texto e Fotos: Isis Araújo

Espetáculo de Lygia Fagundes Telles no Sete de Abril

oqaaamphqzflvuqabnypehp9insriffiejgikbqsldlyxeiaao3avehm2oumewxd_fe5p0b522bolwfeod9odaihozsam1t1umjtlqgotgkqcunawrnlixv5kwhd Um casal de mulheres aborda essas e outras questões nesta encenação do conto “Lua Crescente em Amsterdã”, de Lygia Fagundes Telles. O conto, escrito na década de 70, foi transposto para a cena contemporânea, mantendo-se o tom intimista – e por vezes, onírico – dado pela autora, sondando os sonhos, desejos, devaneios, medos, incertezas e angústias das personagens.
Em cena, as atrizes Beatriz Farias e Caroline Santiago. Narração de Wesley Conrado.
Barthira Franco, diretora do Teatro Escola de Pelotas, colabora na Direção e Figurino do espetáculo. A produção é de Renata Ximenes.

O quê: Cena Literária – Grupo LADO B apresenta: LUA CRESCENTE EM AMSTERDÃ, de Lygia Fagundes Telles

Onde: Foyer do Theatro Sete de Abril
Quando: Quarta – feira, 28/10, 18h30min.
Entrada Franca.

Texto: Divulgação

O Que é o ContoNet?

livro2O ContoNet é um espaço para expressar nossas fantasias, sonhos, críticas e filosofias. Uma coluna fixa do e-Cult eletrônico e impresso que possibilita aos nossos leitores mostrarem sua criatividade através de pequenos textos, contos ou crônicas.

Qualquer pelotense pode participar, é só enviar seu texto e seus dados pessoais para darmos os devidos créditos ao autor.

Este é um espaço livre para nossa imaginação transformar-se em realidade!

Envie sua contribuição para: isis@ecult.com.br

Ou tire suas dúvidas pelo msn:  isis.aa@hotmail.com

Texto: Isis Araújo

Arte no Porto III Aberta ao Público

Foto: Rafael Takaki
Foto: Rafael Takaki

Dia 23 às 19h foi dado início à Mostra “Arte no Porto III”, e “Eles estão Chegando II”, evento que integrou múltiplos artistas pelotenses, nas suas mais variadas técnicas de expressão. Foram 6 andares repletos de criações na antiga e decadente fábrica abandonada Cotada. Com paredes descascadas, úmidas e manchadas, as obras deram uma nova funcionalidade ao espaço.

Desde obras gigantescas, pinturas coloridas, esculturas suspensas com carne e vidro, desenhos em nanquim, caricaturas, fios que cruzam os patamares dos andares, a mostra evidenciou a genialidade de nossos artistas pelotenses, que deve ser incentivada, e não desperdiçada.

Segundo o Professor José Luiz de Pellegrin “A intenção é mostrar que qualquer espaço, longe da tradicional galeria branca, pode ser transformado em galeria de arte”.

Nesse prédio enorme e de aparência fria, as obras transformaram a imensidão vazia em uma efervescente interação entre artistas, público, arte e arquitetura.

Texto: Isis Araújo

Fotos: Isis Araújo e Rafael Takaki

Obras de arte decoram João Gilberto até 18 de Novembro

exp-jgNo Bar e Champanharia João Gilberto ocorrerá exposição independente de Maria Leonor de Leon, artista plástica pelotense, que apresenta suas telas envolvendo diversas técnicas de pintura. A mostra de arte ocorrerá até dia 18 novembro.

O quê: Mostra de Arte de Maria L. de Leon

Onde: João Gilberto Bar e Champanharia

Quando: até 18 de novembro de 2009


Texto: Isis Araújo

Foto: Divulgação

Encontro de Teatro é sucesso de público

Fotógrafo: Rafael Amaral
Fotógrafo: Rafael Amaral

O 3º Encontro de Teatro de Pelotas encerra neste sábado (24), porém já pode ser considerado um grande sucesso, tanto de público quanto de qualidade dos espetáculos apresentados. Durante estes três primeiros dias de Encontro, centenas de pessoas tiveram a oportunidade de assistir a espetáculos com alta qualidade técnica e cênica, alguns espectadores, inclusive, travaram pela primeira vez, um contato com o mundo cênico.

As apresentações tiveram início na Colônia Z3, onde um número significativo de escolares pode assistir ao espetáculo o “Enigma de Cid”, dirigido pelo experiente Flávio Dornelles. Este e todos os outros espetáculos apresentados na seqüência contribuíram para o sucesso absoluto do Encontro, que, descentralizado, criou novas oportunidades, novas platéias e novos saberes em relação às artes cênicas. As apresentações, que tiveram por local, escolas do município, mexeram com o imaginário do público infantil, a ponto de eles próprios, interagirem com atores e diretores e, literalmente, mergulhar na história encenada. Cada um dos espetáculos apresentados, dentro de sua proposta de concepção, alcançou o objetivo de passar uma mensagem, perfeitamente assimilada por sua plateia.

Para a diretora do Theatro Sete de Abril, Annie Fernandez, o sucesso que vem sendo alcançado, fruto de inúmeras parcerias, precisa, necessariamente, ser ampliado com vistas ao próximo Encontro, que acontece em 2010. Neste sentido, ela já planeja a ampliação de locais que possam receber os espetáculos, especialmente as escolas. “Percebemos que a nova fórmula, essa nova concepção de descentralização, dá certo na prática, pois teatro,dança, e todas as outras manifestações culturais, precisam, necessariamente se aproximar das comunidades”, explica ela.

Quanto às apresentações no palco do Theatro, Annie também soma motivos para comemorar: “Tivemos lotação em todas elas”. Um exemplo disso foi o espetáculo apresentado na tarde de hoje (23), ocasião em que a atriz e diretora Geanine Escobar apresentou seu espetáculo denominado “Assuma sua Negritude”, que lotou as dependências do Theatro por intermédio da presença de seis escolas e dois grupos. Geanine, ao final do espetáculo, recebeu uma série de convites para futuras apresentações em escolas locais.

Amanhã, ultimo dia do Encontro, a comunidade das Doquinhas receberá o talento do Centro Contemporâneo Berê Fuhro Souto, a partir das 19h. A direção do Theatro informa que em caso de mau tempo, o espetáculo acontecerá nas dependências do foyer do Theatro. Às 20h o Grupo Malv de Teatro sobe ao palco para a apresentação de “A Família Pefeita”. No clube Caixeiral, acontece, às 21h30, a apresentação do Núcleo de Teatro da UFPel, que encerra as apresentações cênicas por intermédio do espetáculo “Crias”, de Adriano Moraes. Encerrando a programação do Encontro, festa de encerramento, reunindo os participantes do Encontro, tendo por local a Baiúca, localizada na Rua 3 de Maio, 626.

Fonte: pelotas.com.br

Termina Hoje 3° Encontro de Teatro

3enc1O 3° Encontro   de Teatro de Pelotas reuniu artistas, diretores, e incentivadores da arte, e aprofundou o diálogo teatral,  promovendo um espaço a serem realizadas trocas de experiências entre entres grupos.

Confere aqui a programação para hoje e amanhã

Dia 24 de Outubro

17h: “Revisitando Nossos Eus”, no Quadrado

19h: Café no Foyer do Theatro Sete de Abril

20h: “A Família Perfeita”, no Theatro Sete de Abril

21h:30: “Crias”, no Clube Caixeiral

Festa de Encerramento: 24|10 no Espaço Baiúca (3 de Maio 626) R$5,oo até a 1h

Texto: Isis Araújo

Foto: Divulgação