Aí que eu me refiro – O nativismo abraça as crianças

O melhor do nativismo gaúcho estará reunido no palco do Teatro Guarany, dia 23 de dezembro, às 21h, para um grande show em prol de uma boa causa. O 1º Aí que eu me refiro – o nativismo abraça as crianças terá como atrações Aluísio Rockemback, César Oliveira e Rogério Melo, Cristiano Quevedo, Fabiano Bacchieri, Hélio Ramirez, Joca Martins, Luciano Maia, Luiz Marenco, Os Gaudérios e Volmir Martins e a renda revertida para Casa da Criança São Francisco de Paula, de Pelotas.

Os ingressos estão à venda a partir de hoje(03), no Posto Cidadão Capaz, em Pelotas, ao preço de R$ 15,00. O produtor Jarbas Mello, da Conexão V.P.I. informa que os lugares são marcados, por isso quem quiser garantir as primeiras filas deverá se adiantar. “Será um evento grandioso, com a nata da música gaúcha reunida, por isso já antecipamos a venda de ingressos”, avisa. A iniciativa foi lançada para imprensa em novembro, quando o músico Joca Martins e a presidente da entidade, Miriam Andréa, reuniram convidados para um almoço nas dependências da Casa da Criança São Francisco de Paula, em Pelotas.

Na ocasião, a presidente contou que a casa atende hoje 165 crianças de zero a seis anos que recebem diariamente cinco refeições e todo cuidado, incluindo orientação pedagógica, assistência social e psicológica, assistência médica e odontológica além de educação religiosa. Sobre o show beneficente, Miriam explicou que a doação será muito bem-vinda, já que os recursos que suprem manutenção da entidade são federais e contemplam só doze meses. “Por isso nessa época, nossa folha precisa ser complementada para o pagamento do décimo terceiro e das férias dos funcionários que trabalham na entidade”, salienta.

A idéia, segundo Joca Martins, é de anualmente reunir artistas que valorizam a música nativista e além de promover a integração dos músicos, ajudar a uma boa causa. “Queremos que Pelotas seja palco de um grande encontro de talentos e que ao mesmo tempo que estejamos celebrando a música que tanto valorizamos, possamos reverter a renda para essas crianças carentes”, destaca.

A entidade abriga crianças de classe média baixa, em especial famílias onde pais e mães trabalhem fora e que além disso possam estar em situação de risco social e pessoal. A casa mantém turmas de berçário e maternal, de zero a 3 anos  e 11 meses e pré-escolar, de 4 anos até 6 anos. Contam com o apoio de vários voluntários, desde as mordomas, até médico pediatra, dentista, nutricionistas, estagiárias de serviço social , pedagogia e pessoal encaminhado pela ONG Parceiros Voluntários, além de pessoas (associados) e empresas que gratuitamente prestam serviços de manutenção .

evento_jocaO Quê: 1º Aí que eu me refiro – o nativismo abraça as crianças
Quando: 23 de dezembro de 2009
Onde: 21h no Teatro Guarany, em Pelotas/RS

Ingressos marcados:
Posto Cidadão Capaz
Rua Félix Cunha, 553
Pelotas – RS – telefone: 53 3025-2891

Preço: R$ 15,00

Gabriela Mazza
SATOLEP press
Jornalista – MtB: 9838
Contato: (53) 9983.2398

Recital de violão de Guilherme Sperb!

viol

O Conservatório de Música da UFPel convida a todos para o recital de violão de Guilherme Sperb, que ocorrerá nesta sexta-feira, dia 04. No programa  obras de Fernando Sor, J.S.Bach, Leo Brouwer, Joaquin Turina e Astor Piazzolla.

Guilherme Sperb Nascido em 1988, na cidade de Pelotas-RS, Guilherme Sperb inicia seus estudos de violão erudito em 2001 com o violonista Daniel Medeiros e ingressa no curso de Extensão do Conservatório de Música da Universidade Federal de Pelotas no ano seguinte.   Desde 2006 é aluno do curso de Bacharelado em Violão da UFRGS, na classe do Prof. Dr. Daniel Wolff, onde atualmente cursa o oitavo semestre.   Nos últimos anos, realizou masterclasses e cursos com importantes violonistas, dentre os quais Álvaro Pierri, Eduardo Isaac, Eduardo Fernandez, Leo Brouwer, Carlos Barbosa-Lima, Hopkinson Smith, Roland Dyens, Fábio Zanon, Juan Francisco Padilla, Frank Bungarten e Mário Ulloa, entre muitos outros.   Em 2009, foi vencedor do XXVIII Concurso Latino Americano Rosa Mística na cidade de Curitiba-PR.   Guilherme tem atuado como solista e camerista em recitais em Porto Alegre e cidades do interior do RS e atualmente leciona no curso de Extensão em Instrumentos Musicais da UFRGS.

O quê: Recital de violão de Guilherme Sperb
Quando: Dia 04 de dezembro às 20 h.
Onde: Conservatório de Música – Salão Milton de Lemos  (Rua Félix da Cunha 651).
Cordenação: Prof. Guilherme Campelo Tavares
Entrada Gratuita

Fonte: Universidade Federal de Pelotas
Foto: Divulgação

Daniela Brizolara no Sete ao Entardecer

dani

Nesta próxima terça-feira acontecerá mais uma edição do Projeto Sete ao Entardecer, tendo por local o palco do Theatro Sete de Abril. Na ocasião, sobe ao palco a cantora Daniela Brizolara, que apresentará ao público presente a essência e a beleza do samba de raiz. Em seu espetáculo denominado “O samba é meu lugar”, Daniela busca intérpretes e compositores que realmente representam este tipo de manifestação musical, por isso, em seu repertório, estão grandes nomes como Alcione, Arlindo Cruz e Martinália. Daniela se fará acompanhar pelo coro composto por Glória Macedo e Dana Vargas, Athos Giovani (violão), Marcelo Moraes (cavaco), Leandro Cardoso (Pandeiro), Dedé Vargas (percussão), Beto Alfaiate (surdo) e Nadir Curi (jamelão).

Daniela Brizolara é professora formada pela UFPel no curso de Artes Habilitação em Música. Nascida em uma família evangélica formada de músicos, Daniela cresceu ouvindo além dos hinos da igreja, música em geral, pois sua mãe acreditava que a música era importante para o desenvolvimento intelectual de uma criança. Desde cedo participou de corais infantis na igreja. Sua paixão pelo samba herdou do irmão, o músico Luis Roberto Brizolara, conhecido como “Beto Alfaiate”.

Em 1987 ingressou no CAVG onde participou de várias atividades artístico-culturais e foi vocalista de um grupo formado por professores daquela instituição. Desde essa época participou de várias atividades ligadas à música. Nos últimos anos vem atuando em alguns bares da cidade e festas particulares, como casamentos, aniversários, etc. Atualmente canta no Coral UFPel, na Livraria e Cyber Café Dom da Palavra, Bar e Restaurante Ruella e na Botekria. Daniela apresenta um estilo musical variado onde predomina o samba e MPB.

O quê: Daniela Brizolara no Sete ao Entardecer
Onde: Theatro Sete de Abril
Quando: Dia 08 de dezembro (terça-feira), às 18:30h
Entrada Gratuita

Fonte: Prefeitura Municipal de Pelotas
Fotos: Divulgação

Grupo Downdança no Teatro Sete de Abril!

downdanca

O grupo “Downdança”, do Projeto Carinho, iniciativa da Escola Superior de Educação Física (Esef/UFPel), promove o espetáculo “Projeto Carinho: Doze anos de oportunidades e realizações”.
Atividades aquáticas, educativas e culturais, para estimular o desenvolvimento e ampliar a socialização de crianças portadoras da Síndrome de Down. Essa é a razão de existência do “Projeto Carinho”, uma ação social gratuita da Esef O projeto atende crianças até 16 anos e tem a ajuda voluntária de alunos da universidade.

Segundo o coordenador do projeto, professor Alexandre Marques, a iniciativa surgiu em 1997, projeto-carinhoapós sua participação em outra ação social com deficientes visuais. “Percebi que poderia ajudar crianças com Síndrome de Down e resolvi elaborar um projeto e apresentar à direção da universidade”, conta. Com o apoio da UFPel foi iniciada a ação. “O objetivo é desenvolver a potencialidade das crianças com atividades e melhorar sua sociabilidade”, afirma.

Talento revelado
– Em 1998, o projeto foi além e montou um grupo de dança com crianças, que se revelou ao se apresentar no III Congresso de Síndrome de Down, realizado em Curitiba, em 2000.

O quê: Espetáculo “Projeto Carinho: Doze anos de oportunidades e realizações”.
Quando: Dia 05 de novembro (sábado), às 19h30min
Onde: Theatro Sete de Abril
Ingresos: À venda na Esef (rua Luis de Camões) e na Firenze Informática (galeria Firenze).

Fonte: Universidade Federal de Pelotas

Dia do Samba!

Foto: Rafael Amaral
Foto: Rafael Amaral

A Secretaria de Projetos Especiais (SPE) transferiu o evento comemorativo ao Dia do Samba, que transcorre nesta quarta-feira (2). A festividade, que ocorreria amanhã (2), no Largo Edmar Fetter, a partir das 19h, será realizado na sexta-feira.
A SPE conta com o apoio da Rádio Universidade e da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) para realização. Apresentação dos estandartes das escolas de samba de Pelotas, passistas e Baterias Shows estão programadas para agitar o local, segundo a secretária da pasta responsável pela Folia no município, a SPE, Claudia Ferreira.

O quê: Comemoração ao dia do Samba.
Quando: Dia 04 de dezembro (sexta-feira), às 17h.
Onde: Junto ao Quiosque Nelson Nobre, no calçadão da 15 de Novembro.

Fonte: Prefeitura Municipal de Pelotas

Avaliação do Festival de Música Contemporânea em Pelotas

pb110063
André Mendes
lucia-cervini
Lúcia Cervini

O recentemente criado Núcleo de Música Contemporânea trouxe à Pelotas O Festival de Música Contemporânea. Enquanto na Capital se realizaram nove concertos em duas semanas – com músicos de lá e daqui – parte da programação se reproduziu em nossa cidade em outros seis recitais. A coordenação geral ficou a cargo da pianista Joana Holanda, professora da UFPel.

Eis os recitais realizados em Pelotas, todos às 20h:

  • 17-11 Música Eletroacústica – Auditório da Faculdade de Arquitetura.
  • 19-11 Grupo Avante – Salão Milton de Lemos.
  • 23-11 Lucia Cervini, “Ressonâncias do piano contemporâneo” – Salão Milton de Lemos.
  • 24-11 Música de Câmara (piano e flauta) – Salão Milton de Lemos.
  • 25-11 Música de Câmara (piano, flauta e trombone) – Salão Milton de Lemos.
  • 26-11 Raul Costa d´Ávila, Thiago Colombo e Rogério Constante (flauta e violões) – Instituto Simões Lopes Neto.

t
José Milton Vieira

A mais destacada estreia de obra em 2009 parece ser Cartas Celestes I, composta em 1974 por José Antônio de Almeida Prado para a inauguração do Planetário de São Paulo A interpretação foi feita em Pelotas e Porto Alegre pela pianista Lúcia Cervini.
A maior novidade instrumental foi a apresentação de José Milton Vieira, trombonista principal da OSPA desde 2006.

A técnica que mais me impressionou foi o tapping a duas mãos realizado por Thiago Colombo no Paisaje Cubano con Campanas (1986), de Leo Brouwer. A percussão martelada das cordas dá um ar africano ao instrumento, permitindo uma agilidade tal que sugere dois músicos tocando. Por outro recurso da mão esquerda se obtém sonoridade parecida à dos sinos, alusão européia.

Destaco, como intérprete neste evento, a expressão convincente e envolvente de Joana

Paulo Bergmann - Avante!
Paulo Bergmann - Avante!

Holanda, que com entusiasmo se dedica ao piano contemporâneo, divulgando inclusive partituras de mulheres compositoras.

Em setembro deste ano, também houve em Porto Alegre a III Mostra de Música Contemporânea, com recitais no Museu da UFRGS. Em novembro realizou-se em Santa Catarina, conjuntamente ao VI Contemporâneo RS, o ‘2° Festival de Música contemporânea Aliança Francesa – Sonoridades diferenciadas para o século XXI.

Texto de Francisco Vidal – Compilação
Leia mais em seu Blog

Leia Também: Mais no e-Cult sobre o Festival e sobre a apresentação da Avante!

Isis Araújo

Cult Produções

Curso de Produção Cultural no IAD Adiado

iad

O curso de produção cultural que seria ministrado dias 07 e 08 de Dezembro será remanejado para data a combinar com o IAD da Ufpel. Segundo caio Lopes, o motivo da transferência foi o acúmulo de atividades de final de ano do IAD.

O curso abordará sua experiência em elaboração de projetos, editais, turnês, valorização de projetos Culturais, entre muitos outros temas.

Haverá disponibilização de Material para os inscritos, e os interessados devem inscrever-se no colegiado do curso de cinema – sala 201 do IAD,  em data ainda a definir.

Informações: atendimento@caiolopes.com.br

Isis Araújo
Cult Produções

Som das Américas – no Sete ao Entardecer

1043e7eeacb13e81c5cbc720646b5412O Canto Coral será a tônica de hoje na edição do Projeto Sete ao Entardecer que acontece, a partir das 18h30, no Theatro Sete de Abril. Nesta edição, sobe ao palco o Coral da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) que apresentará o espetáculo denominado “Concerto Som das Américas”, que promete levar o público a uma viagem sonora através de ritmos latinos da América Central, passando pelas canções latino-americanas de protesto, a música popular brasileira e os “spirituals” afro-americanos, traçando uma trama sonora, rítmica e lingüística do continente americano.

O coral está sob a regência do professor Carlos Alberto Oliveira, tendo como preparador vocal o professor Jonas Klug da Silveira e acompanhamento ao piano de Éderson Duarte. Contará, também, com a participação dos alunos Salatiele Gomes, Marcus Dias e Yimi Walter, da Oficina de Regência.

O espetáculo acontece hoje, terça-feira (01/12), a partir das 18h30, no Theatro Sete de Abril.
A entrada é franca.

Fonte: pelotas

Ricardo Oliveira e Trío no Theatro Guarani

foto-1-tango1Para encerrar o ano com chave de ouro, a Rádio Pelotense orgulhosamente apresenta direto de Montevideo, Ricardo Oliveira e Trío, um dos mais importantes intérpretes da essência tanguera, ganhador de vários prêmios internacionais e conhecido como a “La Gran Voz del Tango”.

O show Aristocracia Arrabalera tem na direção artística e musical o celebre diretor da Orquestra Filarmônica de Montevideo  Maestro Álvaro Hagopián.Com um repertório que inclui versões originais de clássicos do tango argentino e uruguaio o espetáculo encanta os apreciadores da boa música.

Ficha Técnica

Intérprete …………………Ricardo Olivera

Bajo …………………….. Carlos Novak

Bandoneón ……………… Waldemar Metediera

Violão …………………… Julio Cobelli

Onde: Teatro Guarany

Quando: dia 11 de dezembro às 21h.

Produção: Finotrato e MJ Produções

Realização: Rádio Pelotense

Patrocínio: Via Uno – Krolow

Apoio: Phyto Pharma -Consulado do Uruguai  em Pelotas – Mercado del Puerto

Antecipados: Via Uno e Rádio Pelotense (50% desc. para estudantes- professores – assinantes do Diário Popular.

Texto:  Produção do evento
Foto: Divulgação

Tertúlia Musicais no Conservatório de Música – Pelotas

piano1Acontece hoje (27 de novembro)  às 20 horas no Conservatório de Música da UFPel ( Rua Félix da Cunha. 651)  a  33a  edição das TERTÚLIAS MUSICAIS, projeto que quinzenalmente oferece ao público pelotense espetáculos gratuítos e de qualidade, que já está no seu terceiro ano de funcionamento com ótima aceitação da comunidade pelotense. Nesta edição apresentaremos um recital de piano, violão, violino e viola, os artistas que se apresentarão são os seguintes:
– Washington Rodrigues (piano)
– Roberta Domingues (piano)
– Luiza Morselli (piano)
– Eterrie Franco (violão)
– Renan Leme (violino)
– Eliane Brum (viola)

A coordenação do projeto está à cargo do Prof. Dr. Marcelo Cazarré.

O Que: Tertúlias Musicais
Onde: Conservatório de Música da Ufpel (Rua Félix da Cunha, 651
Quando: Dia 27 (Sexta-Feira) Às 20 Horas
Quanto: Entrada Gratuita

Fonte: Lú Albuquerque
www.3milenio.inf.br