Pelotas Parque Tecnológico abre edital de incubação 2021

Foto: Arquivo Pelotas Parque Tecnológico

O Pelotas Parque Tecnológico lança, a partir de 20 de janeiro, o Edital 2021 para receber novas empresas – desde iniciantes, startups, até empresas de médio e grande porte – que tenham projetos inovadores.

A primeira versão do Edital para receber novos projetos terá como base prioritária tecnologia para saúde, tecnologia da informação e comunicação e indústria criativa para o ecossistema de inovação em Pelotas.

Neste primeiro ciclo, o PPT conta com 6 espaços disponíveis, podendo disponibilizar mais 4 novos espaços até o final de março, devido ao remodelamento para ampliar ofertas e a atração de novas empresas. As áreas variam de 16m² a 257m².

As incubadoras Conectar, da UFPEL, com 16 empresas incubadas, e o CIEMSUL, da UCPEL, com 18 empresas incubadas, se preparam também para lançar editais. A novidade do Ciclo é a abertura do Edital da Incubadora do IFSUL Campus Pelotas, no próximo semestre.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

“Com o ótimo desempenho das empresas de tecnologia no ano de 2020, a perspectiva é de que novos empreendimentos possam ser criados ou ampliados, e com isso, aproveitar oportunidades que o PPT oferece a quem quer empreender”, explica a Diretora Executiva do Pelotas Parque, Rosani Ribeiro.

Para candidatar-se a um espaço, os interessados deverão acessar o Edital de Fluxo Contínuo 2021 e encaminhar os documentos previstos para análise do Comitê Técnico, além de apresentar um pitch sobre o modelo de negócio e projeto que irá desenvolver no Parque.  Acesse: http://bit.ly/editalppt21

Empresas também podem ingressar no Parque através da Coworking Co.place, um espaço de trabalho em ambiente compartilhado instalado dentro do ecossistema empreendedor do Pelotas Parque Tecnológico.
Mais informações pelo e-mail: contato@pelotasparquetecnologico.com.br ou pelo fone (53) 3026-6556.

Arquivo Pelotas Parque Tecnológico (PPT)

Sobre o Pelotas Parque Tecnológico

O Parque, criado oficialmente em 2016, é gerido pela TECNOSUL – Parque Científico e Tecnológico, uma associação civil sem fins lucrativos de direito privado, caráter científico, tecnológico, educacional e cultural.  O parque possui um Conselho de Administração (Consad), eleito a cada três anos, e atua em três grandes áreas nas quais o município já se destaca como polo: tecnologia da informação e comunicação; tecnologia em saúde e indústria criativa.

Atualmente, 63 empresas atuam no Pelotas Parque Tecnológico, sendo 23 instaladas nas áreas geridas pelo Parque, sete no coworking, 15 incubadas, 18 pré-incubadas. Entre as incubadoras estão a Conectar, Incubadora de Base Tecnológica da UFPel; CIEMSUL, incubadora de empresas multissetorial da UCPel e SENATEC, destinada às empresas júnior. Ainda, existem 23 instituições parceiras.

O Parque oferece espaço coworking, com área gastronômica para 55 pessoas, auditório para 230 pessoas, duas salas de reunião e capacitações e estacionamento para 65 carros. Ao todo, o Pelotas Parque gera 267 empregos diretos e 638 indiretos.

Acesse: Facebook  | Instagram | LinkedIn

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Fonte: Reverso Comunicação Integrada (Conrerp/4ª PJ116)

Sobre Deco Rodrigues 6557 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*