Pelotas Parque Tecnológico e Sebrae-RS assinaram termo de cooperação para apoio

Foi assinado, de forma virtual, na tarde de quarta-feira, 16 de setembro, o Termo de Cooperação entre o Pelotas Parque Tecnológico e o Sebrae-RS, que visa apoiar ações para o desenvolvimento das empresas do parque, em especial as que formam o movimento Candy Valley, ecossistema empreendedor com 52 startups.

O foco dos projetos será em inovação e ampliação da competitividade dos negócios, proporcionando experiência e soluções técnicas necessárias para a organização de uma linha estratégica de trabalho orientada a produtos, serviços e tecnologias.

Estiveram representando o Parque na assinatura Rosani Boeira, Diretora Executiva; Felipe Marques, Vice-presidente do Conselho do Parque; Edgar Antônio Costa Mattarredona, Diretor Técnico-Científico e João Carlos Deschamps, Diretor de Relações Institucionais.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Rosani lembrou aos presentes da importância da data de hoje, quando há quatro anos nasceu o processo colaborativo do Parque e o Sebrae-RS já estava apoiando. Felipe Marques, em nome do Consad, destacou: “O Parque é da cidade de Pelotas e essa sinergia que conseguimos trazer para seu conselho – universidade, empresas, poder público e instituições – se reflete no sucesso das ações que estamos promovendo na região. Me orgulho muito do momento que estamos vivendo”, disse.

Gilmar Bazanella, Secretario de Desenvolvimento, Turismo e Inovação (Sdeti) de Pelotas, agradeceu pela importância da inserção do Sebrae-RS nos projetos da zona sul do RS. “Inovar é mudar procedimentos. E o Pelotas Parque traz essa consciência para a comunidade como um todo. Esse convênio é mais um passo importante para o município” afirmou.

Para Ciro Vives, Gerente da Regional Sul do Sebrae-RS, a parceria tem ainda mais valor nesse momento de pandemia. ”Queremos ampliar o potencial de Pelotas como cidade inovadora, como smart city. Já são muitas as ações conjuntas entre com o Pelotas Parque e agora somando com o Candy Valley”, comentou. .

O empreendedor Glauco Munsberg, presidente do Candy Valley, falou com orgulho de ter começado dentro da Universidade com sua empresa, a Indeorum, hoje no Parque. “E o Candy Valley também é um fruto dessa sinergia toda entre universidades, Sebrae-RS, empresas e governo. Estou muito feliz em participar disso e saber que temos o apoio de todos”, completou.

A assinatura virtual também contou com a palavra de André Vanoni de Godoy, Diretor Superintendente do Sebrae-RS. “Parabenizo o Parque pelo seu aniversário, que tem um significado muito especial pois é um recado que Pelotas está dando de que a opção pela inovação é uma decisão estratégica na governança da cidade, como o único caminho seguro e, talvez o mais rápido, que a coloque numa posição diferenciada em relação às demais cidades”, finalizou.

Participaram ainda da assinatura Henrique Feijó, representando a Azonasul; Marcio Pires, Gerente de inovação do Sebrae-RS e demais parceiros.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Sobre o Pelotas Parque Tecnológico
O Parque, criado oficialmente em 2016, é gerido pela TECNOSUL – Parque Científico e Tecnológico, uma associação civil sem fins lucrativos de direito privado, caráter científico, tecnológico, educacional e cultural. O parque possui um Conselho de Administração (Consad), eleito a cada três anos, e atua em três grandes áreas nas quais o município já se destaca como polo: tecnologia da informação e comunicação; tecnologia em saúde e indústria criativa.

Atualmente, 63 empresas atuam no Pelotas Parque Tecnológico, sendo 23 instaladas nas áreas geridas pelo Parque, sete no coworking, 15 incubadas, 18 pré-incubadas. Entre as incubadoras estão a Conectar, Incubadora de Base Tecnológica da UFPel; CIEMSUL, incubadora de empresas multissetorial da UCPel e SENATEC, destinada às empresas júnior. Ainda, existem 23 instituições parceiras. O Parque oferece espaço coworking, com área gastronômica para 55 pessoas, auditório para 230 pessoas, duas salas de reunião e capacitações e estacionamento para 65 carros. Ao todo, o Pelotas Parque gera 267 empregos diretos e 638 indiretos.

Facebook
Instagram
LinkedIn

Fonte: Reverso Comunicação Integrada (Conrerp/4ª PJ116)

Sobre Deco Rodrigues 6469 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*