Papo Cult com Alexandre Mattos

0
259

Mantenedores

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Alexandre por ele mesmo:
Alexandre Mattos Meireles, 35 anos trabalhador da cultura sério e dedicado ao que faz, inquieto e producente tem envolvimento com música, teatro, produção de espetáculos, ativismo cultural e atualmente é diretor de produção da Moviola Filmes.

e-Cult: No dia 03 de agosto de 2009 você encaminhou uma carta aberta ao Prefeito de Pelotas, Senhor Fetter Junior, relatando a forma como, juntamente com o Senhor Antonio Carlos Bohm Lopes (Caio Lopes), foram recebidos pelo Secretário de Cultura Mogar Pagana Xavier na sede da Secult (Secretaria de Cultura). Passados mais de 80 dias, qual o retorno que vocês tiveram?

Alexandre: Enviei a carta como um cidadão que foi destratado em um prédio público, por um funcionário público oque considero muito grave, ainda não recebi nenhuma resposta do gabinete do Prefeito, mas fiquei contente pela reação imediata e do apoio de amigos, artistas e pessoas que nem conhecia mas que de certa forma se sentiram encorajadas pela carta que enviei.

Apenas queria relatar o ocorrido, na verdade não fiz mais do que a minha obrigação, acho que se cada um fizer a sua parte as coisas podem andar de outra maneira, é preciso que nos sintamos donos da cidade onde vivemos, é aqui que nasci e é aqui que moro e trabalho, a carta serviu também como um desabafo da maneira amadora como a cultura é tratada, isso é um problema de gestão, dificilmente alguém que não tenha conhecimento dos meios de produção da cultura terá um bom desempenho a frente da pasta, temos exemplos Brasil afora de boas gestões, basta descer do salto ou das escadarias suntuosas dos casarões e ter a humildade de dialogar com os diversos setores que fazem a cultura da cidade, digo e repito que a secretaria de Cultura não me representa enquanto trabalhador e é uma vergonha termos uma enorme parcela da verba para a Cultura destinada ao carnaval e ao Monumenta deixando a grande maioria dos artistas com as migalhas, não me conformo com isso e sempre que achar necessário escreverei ao prefeito ou a câmara de vereadores  que também não respondeu o e-mail que enviei a ouvidoria.

e-Cult: Destacamos no e-Cult Impresso de outubro/2009 a luta pela aprovação da Lei Municipal de Incentivo a Cultura, qual sua opinião sobre a LIC?

Caio Lopes, Juca Chaves e Alexandre
Caio Lopes, Juca Chaves e Alexandre

Alexandre: Acho que se a LIC Municipal fosse aprovada teríamos grande parte dos problemas amenizados, a cidade nunca deixou de produzir por falta de recursos principalmente os públicos que sempre foram escassos, o que acontece no momento é que existe muita gente produzindo arte, e é certo que quando se tem financiamento se pode fazer mais e com melhor qualidade porque você mexe com toda uma cadeia produtiva, todos trabalham, um diretor vai contratar um cenotécnico, que vai precisar de material, um músico pode contratar um produtor, ou ficar mais horas no estúdio trabalhando melhor as suas músicas, enfim é só fazer um pequeno exercício que essa cadeia da economia da cultura vai longe e pode empregar muita gente, tenho lido declarações de que o prefeito vai assinar ainda esse ano a Lei de Incentivo a Cultura, vamos esperar.

e-Cult: Das novidades culturais que você esta participando, quais poderiam ser antecipadas para os leitores do e-Cult?

Alexandre: Atualmente me dedico a Moviola Filmes, estamos com alguns projetos em andamento um deles é a realização de 10 curtas metragens e por isso estamos atrás de financiamento público e privado.

Futebol Sociedade Anônima - Foto Luiza Hipólyto
Futebol Sociedade Anônima - Foto: Luiza Hipólyto

Acabamos de lançar o Futebol Sociedade Anônima, dirigido pela Cintia Langie e que tem o roteiro do Rafael Andreazza, conseguimos mobilizar uma equipe enorme e o resultado nos agradou muito, atualmente estamos gravando o vídeo clipe da Pimenta Buena, e produzindo o documentário do Ricardo Basbaum, um artista plástico que fez sua residência em Pelotas e que a Moviola acompanhou,  demos um passo importante que foi criar a Central de Produção Moviola um espaço voltado a criação e a produção, creio que em pouco tempo teremos bons frutos.

e-Cult: Uma mensagem ao publico que gosta de prestigiar os eventos culturais em nossa cidade?

Alexandre: Que prestigiem, sobretudo a produção local, os trabalhos autorais realizados aqui na cidade, peças, espetáculos musicais e filmes produzidos em Pelotas, leiam a nossa literatura e se interem das coisas boas daqui.

Leia a Carta Aberta ao Prefeito no Blog: www.maisdemesa.blogspot.com

SEM COMENTÁRIO