Radar RS 10: Thiago Ramil, Cat Arcade, Matheus Noronha, Arthur Koucher e outros lançamentos

O mês de abril começou há uma semana e já foi tempo suficiente para recebermos várias novidades musicais. A décima edição do Radar RS chega destacando 10 lançamentos de artistas gaúchos apresentados nos últimos dias de março e nos primeiros deste mês.

São álbuns, EPs, singles e até um tributo que mostram o quanto a cena musical do Estado se mantém muito ativa e diversificada. Tem Rock pesado, Rock suingado, MPB moderna, MPB mais tradicional, indie e Hip Hop instrumental.

Da cena roqueira, o interior mostra a sua força com lançamentos de peso. A banda Cat Arcade, de Canoas, apresenta seu álbum de estreia apostando em um som fortemente influenciado na estética sonora do post-punk, mas com letras em português. Da pequena Tuparendi, no noroeste do Estado, vem a banda Peixes Voadores que lançou seu terceiro disco. O álbum “Altered States” é o primeiro do quarteto cantado totalmente em inglês e com direcionamento mais Stoner e Doom Metal em relação aos trabalhos anteriores. Revelação no último prêmio Açorianos, o músico Matheu Corrêa, que atualmente mora em Alvorada, chega com o single “Indelével”.

Na capital, Matheus Noronha está um novo single, trazendo participações de Pedro Borghetti e Rodrigo Carazo e inspirações na música latina. O cantor e compositor Arthur Koucher lançou seu EP de estreia “Reencontros”, em uma parceria com o produtor Erick Endres. O cantor Dudu Sperb soltou o EP “Vol. 2”, sua segunda incursão em suas composições autorais. O produtor e beatmaker Duda Raupp fez sua estreia solo em um EP instrumental. Já o cantor e compositor Thiago Ramil apresenta o projeto de seu terceiro álbum, que vem sendo disponibilizado de forma fragmentada, com o lançamento de quatro EPs. Dois deles já estão nas plataformas.

A Tom Bloch, banda que marcou seu nome na cena independente gaúcha entre 1999 e 2009, ganhou uma tributo com artistas de diversas partes do underground brasileiro, via selo/site Scream&Yell. Falando em várias partes do Brasil, o BaianaSystem, da Bahia, está com disco novo, assim como o cantor Reiner, do Pará, e as bandas In Venus e Sophia Chablau Uma Enorme Perda De Tempo de São Paulo.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Thiago Ramil – “O Sol Marca” e “O Andar do Tempo” (EPs)

O cantor e compositor Thiago Ramil irá lançar neste ano seu terceiro álbum, chamado “O sol marca o andar do tempo e a imensidão do universo todo dia”. O disco, no entanto, foi dividido em quatro EPs, cada um deles simbolizando uma das quatro estações do ano e feito com um produtor musical diferente. O primeiro deles, “O sol marca”, chegou no dia 1º e representa o verão. Este EP foi formatado em estúdio pela dupla gaúcha de produtores musicais Felipe Zancaro e Vini Albernaz. A dupla já havia trabalhado com Thiago em seu álbum de estreia “Leve Embora” (2015). Para ilustrar o álbum em imagens, o cantor convidou o coletivo de animação Ilha Maravilha (Vini Albernaz, Marcelo Gafanha e Alércio Pereira), que construiu um filme único para as quatro faixas. O segundo EP, “O Andar do Tempo”, chegou nesta quinta-feira (8), contando com produção de Guilherme Ceron.
Ouça em https://linktr.ee/thiagoramil.

Cat Arcade – Cat Arcade (álbum)

A banda de Canoas Cat Arcade lançou na última terça-feira (30) seu álbum de estreia e no dia seguinte um clipe para faixa “Quente”. O disco foi gravado no estúdio Trilha Hub Cultural, em Sapucaia do Sul, nos meses de janeiro e fevereiro, e teve produção, mixagem e master de Jeferson Marchetto e Rodrigo Rysdyk. Em atividade desde 2019, a Cat Arcade é formada por Nina Barcellos no vocal, Paulinha Lencina (baixo), Cass Fraga (guitarra e sintetizador), Fábio Gonçalves (bateria) e Pedro Henrique (guitarra), este último assina também a direção do clipe. Com letras em português, o quinteto faz um som bastante influenciado pelo post-punk com ecos de Siouxsie and the Banshees e Mercenárias. O álbum contou com financiamento da Lei Aldir Blanc viabilizada por edital da Prefeitura de Canoas.
Confira na íntegra: https://linktr.ee/CatArcade

Arthur Koucher – Reencontros (EP)

O instrumentista, cantor e compositor Arthur Koucher lançou na última sexta seu EP de estreia: “Reencontros”. O projeto já havia tido uma prévia com o lançamento de dois singles no início de 2021, “Armação” e “Marchinha de Outono”, e conta com produção de Erick Endres. A dupla iniciou as gravações em agosto de 2019 no estúdio Armazém Sonoro, onde seguiram com sessões até dezembro de 2020. Acompanharam Arthur (voz, guitarra e piano) e Erick (guitarra) no EP os instrumentistas Rafael Müller (bateria), Miriã Farias (violino), Lourenço Marques (baixo) e Pedro Dom (Clarinete). A capa de Reencontros, assim como as artes dos singles anteriores, é uma obra do artista João Salazar, uma aquarela sobre papel que representa memórias da infância de Arthur através da imagem de duas crianças sentadas na escada que leva à porta da casa onde Arthur mora desde pequeno no bairro Cidade Baixa.
Ouça na sua plataforma preferida: https://tratore.ffm.to/reencontros

Matheu Corrêa – Indelével (single)

Premiado com o Açorianos de Instrumentista e de Revelação Pop de 2020, Matheu Corrêa lançou na última sexta-feira (02) um seu novo single. “Indelével” é a primeira de uma série de singles, que devem ser lançados nas próximas semanas. O músico, que atualmente mora em Viamão, aposta em rock pegado e suingado, com influências de música afro-brasileira. Neste single, gravado com Moisés Cunha (Estúdio Antro), Matheu contou com a participação dos músicos Edu do Nascimento nas percussões, Felipe Bonilha na bateria, Maurício Montardo nos teclados e Renato Martinez no baixo.
No spotify: http://spoti.fi/3mcSX6Q

Matheus Noronha – Camino de Carlos Paz (single)

Também na última sexta (02), Matheus Noronha lançou o single “Camino de Carlos Paz” via selo Escápula Records. A canção conta com as participações dos músicos Pedro Borghetti, tocando bombo leguero, e Rodrigo Carazo, cantando diretamente da Argentina. A composição relembra uma experiência vivida por Matheus durante um mochilão pela América do Sul. A sonoridade traz algumas referências à música produzida na Bacia do rio da Prata. Este é o último single a ser lançado antes do EP de estreia do músico, que virá em maio. Nele estarão presentes quatro canções, sendo duas inéditas. (Saiba mais).
Ouça na sua plataforma preferida: https://links.altafonte.com/oe7mab7

Sob a Influência – Tributo a Tom Bloch

Tom Bloch foi uma banda gaúcha que esteve ativa entre 1999 e 2009. Lançou apenas dois álbuns, mas suas canções e seus shows marcaram história no cenário midstream brasileiro. Pela banda passaram nomes conhecidos do cenário independente, como o hoje produtor Iuri Freiberger, os guitarristas Gustavo Mini (Walverdes) e Michel Vontobel (Video Hits), e o cantor e compositor Pedro Veríssimo (sim, filho do escritor). O álbum de tributo ao Tom Bloch reúne 11 artistas que expressam sua admiração à banda com releituras pessoais para canções. Entre os convidados estão nomes como: Érika Martins, Kassin, Beto Só e Andrio Maquenzi (ex-Superguidis). O trabalho foi produzido por Leonardo Vinhas e Rodrigo Stradiotto para o selo/site Scream&Yell. A versão para download traz como bônus uma versão de uma canção de Frank Black que a Tom Bloch gravou para um tributo ao músico norte-americano, e que nunca havia sido lançada. (Confira aqui)

Duda Raupp – Giro (EP)

Produtor musical, beatmaker e multi-instrumentista, Duda Raupp faz sua estreia solo com o EP Giro. Buscando na memória seus passeios de bicicleta pela cidade, antes da pandemia, o artista resolveu lançar em formato instrumental três faixas que representam esses momentos. O EP tem a mistura de influências do Neo Soul, R&B e Hip Hop instrumental. Cada uma das três faixas representam um momento do dia. O EP foi lançado no último dia 31 em parceria com a produtora Foco na Missão. A composição, produção musical, mixagem e masterização foi realizada por Duda Raupp e a ilustração da capa assinada por Júlia Girardi.
Ouça: https://ditto.fm/giro

Peixes Voadores – Altered States (álbum)

A banda Peixes Voadores entrou em estúdio, no início deste ano, para gravar o terceiro disco de sua carreira. O álbum chamado “Altered States” chegou nas plataformas no último dia 27 e é o primeiro do quarteto todo cantado em inglês. Formada em 2010 em Tuparendi, no noroeste do Estado, a banda começou fazendo um som inspirado nos grandes nomes do Rock ‘n’ Roll. Neste novo trabalho, a banda apostou em uma sonoridade mais crua, com riffs mais pesados e uma atmosfera mais densa. Buscando inspiração em nomes como Kyuss, Sleep, Uncle Acid and the Deadbeats e Black Sabbath, o Peixes Voadores mergulha no Stoner Rock e no Doom Metal.
Ouvir no spotify: https://sptfy.com/mvTF

Dudu Sperb – EP Vol. 2 (EP)

O cantor porto-alegrense Dudu Sperb lançou nas plataformas digitais o EP Vol. 2, reunindo três canções inéditas de sua autoria. Com décadas de trajetória, interpretando outros compositores, Sperb deu início a um projeto autoral com o lançamento do EP Vol. 1 em novembro passado. Neste novo trabalho, ele novamente conta com a parceria do músico Marcel Estivalet. A cantora Gisele De Santi faz participação especial na faixa “A Dádiva a Vida Dá”. A faixa “Se um dia”, que abre o EP, ganhou videoclipe com direção e filmagem de Maria Petrucci e a edição é de Marcelo Freire, em gravação que ocorreu na Lagoa de Ibiraquera, em Santa Catarina.
No spotify: https://sptfy.com/e7ls

https://www.youtube.com/watch?v=ocb5R2j-fv8

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Vale conferir:

BaianaSystem – OxeAxeExu (álbum)
Quarto álbum do grupo soteropolitano é complementado pelo terceiro ato, com participações do rapper Rapadura e o repentista Bule-Bule.
Conferir: https://links.altafonte.com/america

In Venus – Sintoma (álbum)
Quarteto paulista de pós-punk, a In Venus chega ao seu segundo álbum cantando sobre ansiedade e outras aflições atuais.
Conferir: https://tratore.ffm.to/sintoma

Reiner – Breu (álbum)
O novo disco do paraense Reiner chega para protestar contra a crise política que o país se encontro, com uma sonoridade experimental e acessível.
Conferir: https://fanlink.to/reiner-breu

Sophia Chablau e Uma Enorme Perda De Tempo (álbum)
O grupo paulistano de indie rock acaba de lançar seu primeiro álbum, que vem com produção da Ana Frango Elétrico.
Conferir: https://tratore.ffm.to/albumsophiachablau

Sobre Cassio Lilge 215 Artigos
Jornalista, estudante de História, obcecado por música. Conhece menos atalhos em seu computador que a sua gata.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*