Comunicação da UCPel promove debate sobre mídias sociais em Pelotas

Elas nos acompanham diariamente e, com o desenvolvimento tecnológico, estão cada vez mais presentes na vida das pessoas. As mídias sociais são tema do evento promovido pelos estudantes de Comunicação Social da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) no dia 4 de junho. Trata-se do debate “A influência das mídias sociais na vida cotidiana”, que contará com a participação das professoras Raquel Recuero e Carmen Lopes, da coordenadora de mídia da Agência de Inteligência Digital AG2, Gabriela Silva e do delegado Cristiano Ribeiro Ritta.

A ideia veio da turma do terceiro semestre do curso – que é também a que compõe o Diretório Acadêmico – a partir das aulas da disciplina de Teoria da Comunicação II. Sob orientação do professor Antônio Heberlê, os acadêmicos inspiraram-se para a promoção do debate a partir das discussões e reflexões feitas na sala de aula.

Na ocasião, serão discutidos temas que envolvem comunicação, psicologia e segurança. Segundo um dos organizadores do debate, o estudante Luigi Sodré, o objetivo do encontro é tentar entender como é a relação das pessoas com as mídias sociais. “Vamos buscar respostas para a necessidade das pessoas de estar conectadas umas às outras sempre, através da Internet, do celular, de tudo”, resume. Além disso, ainda serão abordadas questões como o impacto das mídias nas novas gerações e crimes virtuais.

O debate “A influência das mídias sociais na vida cotidiana” ocorre às 19h no Auditório Dom Antônio Zattera, que fica no Campus I da UCPel. O evento é aberto à comunidade e gratuito, a menos que o participante queira receber o certificado de participação. Neste caso será cobrada uma taxa de R$ 5,00.

O evento tem o patrocínio da Top Way e o apoio da Cosulati.

Palestrantes
Raquel Recuero é jornalista, professora e pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Letras e do curso de Comunicação Social da UCPel. Suas áreas de interesse são redes sociais e comunidades virtuais na Internet, conversação, fluxos de informação e capital social no ciberespaço e jornalismo digital.

A também professora da UCPel Carmen Lopes é psicóloga, mestre em Psicologia e especialista nas áreas de Saúde Mental Coletiva e Ciência Penitenciária. Carmen ainda atua no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS Escola) e no
Grupo Interdisciplinar de Trabalho e Estudos Criminais-Penitenciários (Gitep).

Outra palestrante é Gabriela Silva, jornalista que trabalha como coordenadora do Núcleo de Mídias Sociais na AG2 Publicis Modem, bacharel em Direito e interessada em Comunicação e suas subáreas.

O delegado Cristiano Ribeiro Ritta é diretor da Divisão de Inteligência Policial e Análise Criminal do Gabinete de Inteligência e Assuntos Estratégicos (Dipac/Gie), órgão da Polícia Civil do Rio Grande do Sul.

Sobre Deco Rodrigues 6082 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.