Grupo instrumental Chorei sem querer apresenta chorinho no Diabluras em Pelotas

0
456

Mantenedores

Nesta sexta, 8 de junho, tem chorinho no Diabluras com o Grupo instrumental Chorei sem querer. O nome é uma homenagem e o nome de uma das composições do cavaquinista e chorão pelotense, Julinho do Cavaco.

Foto Divulgação
Foto Divulgação

O Grupo nasceu em 2018 de forma despretensiosa, após uma sucessão de encontros musicais entre amigos que se reuniam para praticar e estudar choro, samba e improvisação.

A formação reúne músicos de diversas regiões do brasil: a flautista Julia Alves, e o guitarrista Gustavo Mustafé, são ambos do estado de São Paulo. o percussionista Daniel Ortiz, é Gaúcho. E o violonista vasco jean, é mineiro.

Foto Divulgação
Foto Divulgação

A instrumentação atípica se deu pela necessidade de um substituto para o cavaquinho (essencial nas rodas de choro e samba) que se relacionasse bem com o timbre dos demais instrumentos do Grupo; encontrando, após uma série de experimentos, a guitarra, que além de possibilitar uma paleta sonora muito ampla configurava aos arranjos do grupo uma estética com uma identidade muito própria.

O repertório do grupo é majoritariamente composto por choros tradicionais e alguns lados b’s, mas também flerta com a música instrumental nordestina, samba, jazz, mpb além de músicas autorais.

Chorinho com Chorei Sem Querer
Sexta, 8 de Junho | Bar: 19h Show: 21h
Diabluras – Rua Félix da Cunha, 954
Couvert Artístico: R$10,00
Bar oferece cervejas diversas, carta de vinhos, comidas de botecos, caldos quentes, pastéis.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA