Negressencia apresenta espetáculo e oficinas Pelotas em Pelotas

Foto Divulgação

Neste sábado, 23 de julho, o projeto Negressencia apresenta no salão nobre da Biblioteca Pública de Pelotas, o espetáculo “Negressencia: Mulheres Cujos Filhos São Peixes”, às 20h nos.

Foto Divugação
Foto Divugação

No mesmo dia, à tarde acontecerão 2 oficinas:
Corpo Odara: Danças Negras Contemporâneas
com Manoel Luthiery
às 14h, no clube Diamantinos)
SAMBA
com Karen Tolentino
às 15h, no clube Diamantinos
A inscrição para as oficinas aconteceram no local.
Retirada de ingressos, uma hora antes do espetáculo, na frente da Biblioteca Pública de Pelotas. Todas as atividades são com entrada franca.

Foto Divulgação
Foto: Dartanhan Baldez Figueiredo

Negressencia – Sinopse:
O Projeto Negressencia, através da Bolsa Funarte de Fomento para Artistas e Produtores Negros, financiou a imersão artística de 9 bailarinos negros de Santa Maria/­RS em um processo criativo em dança negra, possibilitando o reencontro desses bailarinos com suas ancestrais, tornando possível dançar com elas e com a História de outras mulheres negras do estado do Rio Grande do Sul, reelaborando artisticamente discursos sobre suas trajetórias, se propondo a falar do Rio Grande do Sul a partir da presença dessas mulheres negras. O espetáculo NEGRESSENCIA “Mulheres cujos filhos são peixes” é um espetáculo de Dança Negra Contemporânea, feito/pensado por corpos negros em movimento.

FICHA TÉCNICA
Produção Execultiva: Marta Nunes
Direção: Manoel Luthiery
Assistente de Direção: Jaine Barcellos
Produção local: Juliana Coelho (Pelotas); Luciele Oliveira (Porto Alegre); Manoel Luthiery, Marta Nunes e Franciele Oliveira (Santa Maria)

Músicos:
Rafa Teixeira
Ediana Larruscain
Pedro Issler
Manoel Luthiery

Elenco:
Jaine Barcellos
Karen Tolentino
Letícia Ignácio
Amanda Silveira
Lenora Consales Shimit
Vinicio do Carmo
Venir Xavier
Gabrielle Barcelos

Iluminação: Ana Paula Marques
Técnico de áudio: Iam Kim
Pesquisa: Andrea dos Santos
Comunicação:
Franciele Oliveira
Luciele Oliveira

Figurino:
Flavia Nascimento
Jaine Barcellos

INSPIRADO NAS HISTÓRIAS DE:
Sirley da Silva Amaro
Maria da Conceição Amaro
Janaina Neves
Ely Souza de Campos
Winnie Bueno
Sandrali de Campos Bueno
Heloisa Helena Ferreira Duarte
Raquel Silveira Dias
Carmen Lucia Chaves
Anelise Costa
Cilene Rossi
Diane Barros
Clarice Moraes
Nina Fola
Mariana Amaral Bonifacio

Financiamento: Funarte
Apoio: Biblioteca Pública de Pelotas e Clube Diamantinos

Sobre Deco Rodrigues 6440 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*