Zizi Possi no Theatro Guarany em Pelotas

Zizi Possi ou Maria Izildinha é neta e bisneta de italianos. Esta paulistana do Brás nasceu em 28 de março de 1956 e começou a estudar piano bem cedo, aos 5 anos de idade. Dada a rapidez com que aprendia, mudou de professores e métodos muito rapidamente. Aos 18 anos foi morar com o irmão mais velho em Salvador, onde ficava a Escola de Música da Universidade Federal da Bahia, considerada a melhor da América Latina na época. Nesta escola cursou Composição e Regência durante 2 anos.

No início dos anos 90, Zizi dá uma guinada na vida pessoal e profissional, volta a São Paulo, rompe com sua gravadora e parte para um novo desafio, reconhecido posteriormente como um divisor de águas em sua carreira. Concebe, arranja e interpreta três trabalhos em um formato inusitado na época, mas muito conhecido hoje: o tal acústico. ?Sobre Todas as Coisas?, ?Valsa Brasileira? e ?Mais Simples? são considerados obras-primas e marcam definitivamente a carreira de Zizi e a música popular brasileira. Em 1997 surge a proposta de gravar um CD em italiano (?Per Amore?) de estrondoso sucesso, aplaudido pela crítica e pelo público. No ano seguinte, Zizi lança o CD ?Passione?, considerado continuação do enorme sucesso ?Per Amore?. Juntos, esse dois álbuns vendem mais de 1 milhão de cópias. O disco seguinte ?Puro Prazer? (1999), interpretado só com voz e piano, foi indicado ao Grammy Latino em 3 categorias e, embora não tenha sido divulgado à altura, vendeu mais de 100.000 cópias em menos de 30 dias.

Em 2002, a pedido do presidente da gravadora Universal Music, Zizi lança o disco ?Bossa? no qual coloca a bossa nos ritmos e canções onde percebia que ela já existia como, por exemplo, Yesterday dos Beatles. Neste disco Zizi também dá sua assinatura para a música de Bebel Gilberto, Cazuza e Dé “Preciso dizer que te amo”.

Em 2005 é convidada a preparar um repertório totalmente em inglês para apresentar no palco da Bourbon Street, casa de música americana em São Paulo. Passeando pela música norte-americana sem fronteiras de tempo ou de estilo, apenas norteada pelo seu senso estético musical, Zizi Possi e seu maestro e músico Jether Garotti Jr., mergulham durante três semanas e submergem com um novo show/concerto, que viria a ser o embrião de seu 18º disco: ?Para inglês ver… e ouvir?. O show, primeiro disco ao vivo de Zizi Possi, foi registrado em CD e DVD sob a direção de José Possi Neto e produção de Manoel Poladian, e lançado em dezembro do mesmo ano. O ano de 2008 é brindado por uma temporada de 3 meses na casa de shows paulistana TOM JAZZ para celebrar os 30 anos de carreira de Zizi Possi. Dirigidos por José Possi Neto, os shows apresentaram repertórios diferentes e convidados como Ana Carolina, Edu Lobo, João Bosco, Ivan Lins, Alceu Valença, Alcione, Eduardo Dussek, entre outros. A celebração se transformou em dois DVDs, Cantos e Contos 1 e 2, lançados em 2010 pela gravadora Biscoito Fino e também no novo show de Zizi Possi, que incorpora repertório inédito em sua voz com alguns dos grandes sucessos que pontuaram sua brilhante carreira.

O Que? Zizi Possi no Theatro Guarany
Quando?
02 de julho de 2011
Onde?
Theatro Guarany
Preço: em breve
Venda: Em breve
Classificação: 14 anos

 

Sobre Deco Rodrigues 6469 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*