A literatura pelotense além da fronteira do doce

A literatura pelotenses ganhou novas fronteiras nos últimos anos. As produções locais conquistaram espaço no mercado editorial, não só em Pelotas, mas além do horizonte do pampa. Novos autores, diversidade de gêneros, ousadia e qualidade fizeram com que os títulos nascidos da ebulição criativa dos autores pelotenses voassem.

Os títulos lançados pela Satolep Press tiveram o projeto gráfico da Nativu Design, premissa de qualidade em todo processo de preparação dos títulos. Foi assim com “Náufrago de um mar doce”, de Nauro Júnior, “Três contra todos”, de Deco Rodrigues, “Histórias do papai”, de Álvaro Braga e “Rastros num caminho”, de José Marasco Cavalheiro Leite, “Pelotas em imagens”, de Nauro Júnior e “Andanças imaginárias”, de Nauro Júnior e Sofia Mazza Machado.

Fundadora de um portal de literatura com mais de 1,2 milhões de leitores, a pelotense Ju Lund está com nova edição do seu romance de maior sucesso, Doce Vampira. Ela já lançou Entrecontos 1 e 2, e fez participação nas antologias Autores Fantásticos, Vampiros de Alma e Coleção Sobrenatural: Vampiros.

Livros que estão conquistando o Brasil
Naufrago de um mar doce, de Nauro Júnior, conta uma história baseada em fatos verídicos e se passa na cidade de Pelotas. Três contra Todos, de Deco Rodrigues, é inspirado em fatos reais, também se passa em Pelotas, e questiona novas formas de amar e velhos preconceitos. Doce Vampira, de Ju Lund, apesar do doce no título, não se passa em Pelotas, mas também questiona preconceitos através de um amor proibido numa historia de fantasia num mundo onde humanos e vampiros aprenderam a conviver.

Náufrago de um mar doce (Satolep Press/2012)
Autor: Nauro Júnior
O livro conta a saga de Nico, um pescador que sobreviveu a um naufrágio na Lagoa dos Patos, no extremo sul do Brasil. Com prefácio de Fabrício Carpinejar, a história é contada em 160 páginas é permeada de emoção. O título foi lançado em 2012 na 40ª Feira do Livro de Pelotas, e depois na Livraria da Vila (São Paulo) e Livraria Arlequim (Rio de Janeiro). Com os direitos autorais vendidos para o cineasta Henrique de Freitas Lima, o romance será adaptado ao cinema em breve.

Três contra todos (Satolep Press/2013)
Autor: Deco Rodrigues
O poliamor é o pano de fundo do romance de estreia de Deco Rodrigues. Com ousadia, ele conjuga em diferentes tempos os três elementos que baseiam uma relação amorosa: amor, sexo e amizade. Eduarda, Rafaela e Lucas, através de suas narrativas, protagonizam o epicentro dos encontros, desencontros e descobertas do romance. O cotidiano dos personagens acaba por cruzar bem mais do que caminhos, mas sim uma avalanche de emoções e surpresas. O livro foi lançado em diversas cidades gaúchas e ganhou leitores de todo Brasil através da venda online do livro fisico e da versão ebook na Amazon.

Doce Vampira (Avec Editora/2015)
Autor: Ju Lund
Doce Vampira já conquistou centenas de fãs em sua primeira edição e agora ganha uma nova versão com papel de luxo e direito a galeria de fotos – com a modelos Ariel Teles (Duda) e Ana Júlia Ferreira (Esther) e impressão de alta qualidade. Em sua obra, Ju procurou mesclar elementos de histórias de vampiro com debates modernos sobre discriminação da homossexualidade, preconceito racial e extremismo religioso. Ela trabalhou com esses temas, mesmo sabendo que iria enfrentar forte preconceito.

por Melissa Martins

Sobre Deco Rodrigues 6332 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.