Casa de Pelotas completa dois anos no Mercado da capital

mercado2-400A Casa de Pelotas completa neste domingo (20) dois anos de atividades no Mercado Público de Porto Alegre. O espaço, que ocupa 90 metros quadrados no andar de cima do prédio histórico, foi instituído por meio de convênio firmado entre os prefeitos Adolfo Antonio Fetter (PP) e José Fogaça (PMDB). Intermediado pelo Centro de Desenvolvimento Econômico e Social de Pelotas, presidido pela economista Rosi Pinto Osório, a Casa – um misto de doçaria, lanchonete, cafeteria e centro de informações e eventos – é o único ponto oficial de referência da cidade na capital gaúcha.

Em visita na tarde do dia 17 de dezembro, ao secretário-adjunto municipal de Desenvolvimento Econômico, Paulo Peter, a ex-doceira pelotense, Márcia Carvalho, agradeceu o apoio e o subsídio de propaganda e divulgação dos potenciais turísticos do município. “Deixamos sempre à disposição dos clientes um farto material da prefeitura, além de oferecermos produtos alusivos a Pelotas”, informa.

Para os apreciadores do café, a empresária oferece no cardápio, que inclui fotografias dos principais locais homenageados, quatro tipo de iguarias geladas: Grande Hotel, Laranjal, Baronesa e Princesa do Sul. “As pessoas dizem ‘eu quero um Grande Hotel’ e só este pedido já é uma forma de difundir as nossas preciosidades”, afirma Márcia. Com um público fiel e um trânsito muito grande de turistas, a Casa de Pelotas comercializa cerca de 300 docinhos típicos ao dia.

As paredes das lojas 62, 64 e 66 do Mercado de Porto Alegre exibem painéis gigantescos com a montagem de fotos do patrimônio cultural e histórico: chafariz da rua Andrade Neves, Praça Coronel Pedro Osório, Theatro Sete de Abril, Catedral, Grande Hotel e Grupo Tholl.

O prefeito Fetter considera uma honra para o município manter na capital uma “vitrine da cultura pelotense num dos mais belos e históricos prédios de Porto Alegre”. Segundo ele, a Casa de Pelotas foi concebida para ser um pequeno pedaço da “Princesa do Sul”, levando o sabor da doçaria variada e despertando a vontade de conhecê-la – Fenadoce, Laranjal, turismo rural e Centro antigo, entre outros pontos atrativos.

Fonte: pelotas.com.br
Redator: Carolina Ney – MTb/SP: 23024
Fotó: Gilberto Simon / PMPA

Sobre Deco Rodrigues 6119 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.