Cineclubes trazem mais cultura a Pelotas

Dois grupos de apaixonados por cinema vêm engrandecendo o cenário cultural da cidade e proporcionando a oportunidade de conhecer um lado da sétima arte que não é tão divulgado, mas rico em sutilezas e conhecimento. As exibições gratuitas estão conquistando um público cativo, que antes mostrava-se carente de um olhar mais atento para as produções cinematográficas e agora chega a debater sobre elas.

O Clube de Cinema Fanopéia, idealizado e coordenado pela professora Regina Zauk do Instituto Federal Sul-Rio-Grandense, tem por objetivo colaborar com a formação de espectadores críticos a partir de debates e exibição de diversos tipos de filmes e demonstrar a sociedade que o filme se constitui num elemento importante para a aprendizagem, tanto dos recortes do conhecimento nas diversas disciplinas, como para a compreensão do mundo e da vida.

Conforme a vice-coordenadora do grupo, Luana Alt, os filmes são escolhidos durante as sessões, que não estavam acontecendo devido a um recesso de férias, mas que retornam na próxima semana no horário normal, às sextas-feiras às 18h45min no IF-Sul.

Com sessões realizadas no Museu de Arte Leopoldo Gotuzzo (MALG), o cineclube ZERO3, que completa dois anos em abril, tem o objetivo de exibir mostras especiais, com filmes de diferentes épocas, filmografias de diretores, roteiristas e atores, além de relacionar o cinema a outras artes, trazendo novos conhecimentos e boas discussões aos espectadores.

Zero3 foi criado pelos acadêmicos de Cinema e Animação da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Renato Cabral, Eduardo Resing e Geisi Xavier, e é coordenado pela professora Ivonete Pinto. Segundo Renato Cabral, a escolha dos filmes se dá entre os organizadores do projeto, que levam em conta a importância de cada um na filmografia do diretor e a relevância da exibição dele para o público do Cineclube. O projeto também entrou em recesso, mas volta a exibir os filmes já na primeira semana de maio.

Conforme o andamento das exibições, realizadas aos domingos, às 16h30min no MALG, eles esperam que a escolha fique também a cargo dos participantes, que poderão indicar filmes que gostem. A programação do próximo mês geralmente é entregue aos participantes das sessões.

Fonte: Larissa Vieira
visoesdeumajornalista.blogspot.com

Sobre Deco Rodrigues 6226 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.