Escola Olodum chegou no Nordeste de Amaralina

As inscrições estão abertas para cursos de Percussão Samba-reggae, Dança Afro, Tranças e Turbantes.

Estão abertas as inscrições para cursos gratuitos da Escola Olodum, no Nordeste de Amaralina. Jovens de 15 a 21 anos podem se inscrever para cursos de percussão samba-reggae, dança afro, tranças e turbantes. Os alunos serão beneficiados pelas atividades  Projeto Escola Olodum: Pela Paz e Pela Vida – Educação, Cultura e Cidadania nas Comunidades.

Foto Divulgação
Foto Divulgação

Para se matricular, os interessados devem se dirigir ao Centro Social Urbano – Beco da Cultura, Nordeste de Amaralina, das 09h às 11h30 e 14h às 17h, portando de original e cópia do RG e CPF do candidato e responsável (no caso de menor de 18 anos), foto 3×4, comprovante de residência e comprovante de matricula ou boletim da rede pública de ensino.

Uma ação convergente do Programa Pacto pela Vida, através da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Governo do Estado. O projeto utilizará o poder da mobilização e conscientização dos tambores do Olodum como ferramenta estratégica para fornecer noções sobre cultura, cidadania, autoestima e defesa de direitos, também integra as ações da campanha Paz Absoluta (Olodum) e do Plano Juventude Viva.

Escola Olodum – Pelourinho
OFICINAS: Percussão Samba-reggae, Dança Afro, Tranças e Turbantes
PERÍODO DAS INSCRIÇÕES: até 20 de Janeiro
HORÁRIOS: 09h às 11h30 – 14h às 17h
LOCAL DA INSCRIÇÃO: Centro Social Urbano – Beco da Cultura, Nordeste de Amaralina
DOCUMENTOS: Original e cópia do RG e CPF do candidato e responsável (no caso de menor de 18 anos), Foto 3×4, comprovante de residência e comprovante de matricula ou boletim da rede pública de ensino.
Mais Informações: 71 3322-8069
www.facebook.com/escolaolodum

redes sociais - escola olodum - nordeste

Fonte: Laboratório da Notícia

Sobre Deco Rodrigues 6378 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*