Música Pela Música aprova ópera O elixir do amor na Lei Rouanet

A Sociedade Pelotense Música Pela Música se prepara para interpretar a ópera O elixir do amor, de Gaetano Donizetti. O projeto, intitutlado Confabulação, foi aprovado pela Lei Rouanet e permitirá estudo, montagem e quatro encenações de L’Elisir D’Amore, em Pelotas. Além dos ensaios, que já movimentam coro sinfônico e orquestra filarmônica, a fase daqui para frente é de captação de recursos. Para levar a obra cômica – em dois atos – ao público, valorizar instrumentistas, cantores e solistas e ainda cumprir com a proposta de inclusão social, R$ 579.412,19 poderão ser captados junto aos patrocinadores, até o final do ano.

“Além de difundirmos a ópera, o grupo e a música sinfônica de forma ampla, ainda geraremos postos de trabalho e renda”, destaca a presidente da SPMM, Ana Elisa Kratz. Para preparar o espetáculo, que estreou em Milão (na Itália), em 1832, a equipe técnica será vasta e deverá mesclar nomes locais, regionais e do centro do país para concepção e confecção de figurinos, iluminação e cenário, direção artística, cênica e musical, além de produção executiva.

O elixir do amor promete surpreender dentro e fora dos palcos, a começar pela divulgação da ópera bufa, que contará com intervenções urbanas. Na véspera da estreia, no ensaio pré-geral, as portas do Theatro Guarany estarão abertas a 1,2 mil alunos das redes pública e privada de ensino, com direito à visita guiada. Nas noites de espetáculo, as portas voltam a se abrir, com a proposta de acolher. Para os surdos, local reservado com boa visibilidade e intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras) . Para os cegos, o programa da ópera em Braille.

Sinopse: A ação se passa em uma aldeia italiana no século 19. Nemorino, um jovem e tímido lavrador, está profundamente apaixonado por Adina, mas o seu amor não é correspondido. Com a chegada à aldeia de Belcore, um sargento de guarnição, a situação de Nemorino se complica, pois o sargento não perde tempo e conquista o coração de Adina.

Uma reviravolta acontece com a chegada inesperada à aldeia do doutor Dulcamara, que diz possuir um maravilhoso licor, que é um milagroso elixir capaz de curar todos os males, inclusive o mal de amor. O entusiasmo provocado nos moradores contagia também Nemorino, que vê no uso do elixir a oportunidade de conquistar, enfim, o amor de Adina.

Fonte: Michele Ferreira – assessora de imprensa SPMM

Sobre Deco Rodrigues 6164 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*