Satolep e a Ruína da Sétima Arte

“(…) salvar Pelotas desta condição degradada. Tirar Pelotas desta condição de Satolep, invertida em si mesma, à espera de dias melhores.”

Paulo Angelini – Escritor Porto Alegrense

Quem dera fosse apenas o título de um romance de 5º categoria. A notícia é velha, mas o assunto está aí: parece um despropósito que alguém ouse tratar o cinema como uma arte menor. Com a internet tornando nossa realidade um caos mais real do que virtual, vemos o desastre do fim dos cinemas da cidade, e para muitos o que resta são os downloads de filmes. Resta a nostalgia de ver um bom filme na telona… avanço ou retrocesso?

Pelotas já teve em sua história, pelo que se tem conhecimento, 36 salas de cinema, todas sendo abandonadas.

Em 2008 foi a vez de o Cine Capitólio fechar as portas. Segundo Mário Neto, da área de marketing da Arco-Íris, o cinema (fundado em 1928, e talvez o único de calçada – fora dos shopping centers – da rede ainda em funcionamento no Estado) não iria desaparecer, mas sim passar por reformas. E que reforma!

Olha o destino de alguns Cines de Satolep:

Cinema Capitólio
Agora é estacionamento
Rua Anchieta, 2009
Cine-Theatro Avenida
Agora está abandonado
Av. Bento Gonçalves, 397
Cine Tabajara
Agora é igreja
Rua General Osório, 1094
Cine Esmeralda
Agora é igreja
Av. José Domingos de Almeida, 2114
Cine Glória
Agora é igreja
Av. Cidade de Lisboa, 245
Cine-Rádio Pelotense
Agora é supermercado
Rua Andrade Neves, 2330
Cine-Theatro São Rafael
Agora está em ruínas
Praça 20 de Setembro, 846

***Produtora independente de cinema, a Moviola Filmes, aqui de Pelotas, lançou no ano passado o documentário Estacionamento, mostrando a grande quantidade de salas de cinema que existiam em Pelotas. Acessa e vê: moviolafilmes.blogspot.com

Texto e Foto: Isis Araújo

Antigo Cinema Capitólio

Sobre Deco Rodrigues 6221 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.