Câmera Causa Na Escola leva o audiovisual a 12 municípios gaúchos

CC na Escola - Esteio - Foto: Elizabeth Thiel
Quando nos perguntamos se estamos fazendo a coisa certa para as pessoas certas, a vida pode mudar de rumo fazendo a gente chegar exatamente em quem vai fazer parte de um grande novo plano.
.
Foi assim que um dos idealizadores do projeto Câmera Causa, Gustavo Spolidoro, teve o insight, em 2018, de criar o projeto que chega a mais uma edição – o Câmera Causa na Escola. A iniciativa leva, junto ao Governo do RS, oficinas de audiovisual para adolescentes de 12 escolas em 12 cidades do interior do Estado. O trabalho está sendo realizado com recursos do Governo do Estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Cultura RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura.
CC na Escola – Cachoerinha – Foto: Elizabeth Thiel

.
As oficinas têm como proposta capacitar professores e estudantes na realização de curtas de ficção, docs, clipes, reportagens, tutoriais e animações através de dispositivos móveis. O circuito teve início no último dia 13 de setembro, nos  municípios de Esteio e Sapucaia do Sul, com atividades nas escolas E.E.E.M Jardim Planalto (Esteio) e  I.E.E. Rubén Darío (Sapucaia do Sul).
.
Após os três encontros presenciais com os realizadores Gustavo Spolidoro e Lucas Heitor Beal Sant’Anna, onde são abordados conteúdos sobre o audiovisual, professores e estudantes contam com uma consultoria online para ajudar nos projetos e ainda com uma sessão online com a presença de convidados e familiares para a exibição de suas produções. – “As sessões do Câmera Causa trazem sempre muitas surpresas, emoção e algumas polêmicas saudáveis”, ressaltou Gustavo.

CC na Escola – Esteio – Foto: Elizabeth Thiel

Nos dias 21 a 23 de setembro, o Câmera Causa na Escola passa pelos municípios de Alvorada e Cachoeirinha, pelas escolas E.E.E.M Campos Verdes e E.E.E.M Neuza Brizola respectivamente.
.
Já de 04 a 06 de outubro, é a vez de Bento Gonçalves (C.E. Landell de Moura), Farroupilha (Colégio Estadual Farroupilha), Pelotas (E.E.E.M Areal) e Rio Grande (E.E.E.M Roberto Bastos Tellechea) receberem o projeto. Tramandaí (E.E.E.M Nossa Senhora Aparecida), Capão da Canoa (Instituto Estadual Riachuelo), Cruz Alta (I.E.E.Prof. Annes Dias) e Ijuí (E.E.E.M. Emil Glitz) finalizam o circuito de oficinas de 25 a 27 de outubro.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Mapeamento das instituições

CC na Escola – Sapucaia – Foto: Elizabeth Thiel

A escolha dos municípios e das escolas se deu através de uma parceria com a Secretaria de Educação (SEDUC) com o programa RS SEGURO – Programa Transversal e Estruturante de Segurança Pública da SSP/RS, que aproximou o projeto das Coordenadorias Regionais de Educação (CREs), o que foi fundamental no mapeamento destas instituições que se encontram em áreas com com elevado nível de violência, auxiliando, assim, no circuito por onde o projeto irá passar.
.
A ideia é que através destes encontros realizados nos 12 municípios contemplados, os aproximadamente 300 estudantes e professores do ensino público estejam capacitados para passar o conhecimento adiante e seguir produzindo trabalhos nesta área. – “É muito importante que a gente consiga capacitar, tanto os professores que estão junto com a gente nas oficinas, quanto os alunos participantes. A ideia é que se multiplique este conhecimento e se passe a prática adiante, para que mais e mais pessoas possam ter a chance de aprender também”, explicou Lucas Heitor.

Câmera Causa

CC na Escola – Alvorada – Foto: Elizabeth Thiel

Câmera Causa Na Escola é parte do Câmera Causa, projeto de empoderamento audiovisual que surgiu em 2018, voltado para grupos em vulnerabilidade social, escolas públicas, coletivos e demais projetos sociais que queiram dar mais visibilidade às suas causas.
.
Lançado por Gustavo Spolidoro, Lucas Heitor Beal Sant’Anna e Jade Fucilini, o projeto parte do princípio que todos temos um dispositivo móvel que é também uma câmera, uma distribuidora e uma exibidora de conteúdo audiovisual. – “Nem sempre a causa está nos filmes. Em oficinas como essa, a Causa são os próprios alunos. Nesta edição – Câmera Causa Na Escola, estudantes e professores de escola pública passam a entender o poder que tem nas mãos.”, salientou Gustavo.

Desde o seu lançamento em 2018, a iniciativa já realizou 16 oficinas completas, com 20h/aula, com 101 produções audiovisuais feitas por cerca de 300 alunos e assistidas por mais de 30 mil pessoas nas redes sociais, além de dezenas de mini-cursos e palestras de 2h a 4h, atingindo mais de 1000 espectadores.

Festival

Para o encerramento do Câmera Causa Na Escola, em dezembro de 2021, está previsto ainda um Festival com todas as produções desenvolvidas durante o projeto. A ideia é que seja dividido em etapas, com escolhas populares e feitas pelo juri, além de contar ainda com premiações concedidas por parceiros e amigos do projeto. As produções serão exibidas em playlists no canal do Câmera Causa no Youtube e, em breve, no site oficial do projeto que está prestes a ser lançado reunindo os trabalhos anteriores e coroando esta nova etapa.

Para mais informações e atualizações, basta seguir as redes sociais do Câmera Causa no Facebook e no Instagram.

Projeto realizado com recursos do Governo do Estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Cultura RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura.

Ficha Técnica – Equipe:

Idealizadores do projeto e Oficineiros nas Escolas: Gustavo Spolidoro e Lucas Heitor B.S.

Produção: Francisco Caselani

Assistência de Produção e Fotógrafa de cobertura das oficinas: Elizabeth Thiel

Consultoria de animação e criação da arte do Câmera Causa: James Zortéa

Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais: Camila Sequeira / Patuá Conteúdo

Especialista em Tráfego Pago: Camila Lopez

Arte gráfica: Giulia Tomasini

Web Design: Quanta

Assessoria Jurídica: Patrícia Goulart

Assessoria Contábil: Faccioni Contabilidade

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Fonte: Camila Sequeira – Jornalista
Patuá Conteúdo Criativo
Sobre Deco Rodrigues 6658 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*