Festim de Maio: uma pequena festa para celebrar os autores pelotenses

Uma iniciativa do Coletivo Autores de Pelotas, o evento de três dias vai vender livros bem mais baratos, promover bate-papos com escritores e oferecer oficinas gratuitas. 

O mês de maio vai marcar a chegada de um novo evento na cidade. A proposta é fazer um momento diferenciado, de valorização à literatura e aos autores locais. Criado em fevereiro desse ano, o Coletivo Autores de Pelotas promove o 1º Festim de Maio – #EuLeioPelotas. “Escolhemos o nome festim porque a ideia é fazer uma pequena festa, um momento para conhecer e celebrar os autores da nossa terra”, explica o escritor Charlie Rayné, integrante do Coletivo e da equipe organizadora do evento.

Serão três dias de programação (quinta, sexta e sábado – 9, 10 e 11 de maio de 2019) para conhecer e trocar ideias com escritores pelotenses ou radicados na cidade, comprar livros mais baratos e participar de oficinas de temas e gêneros variados. “Vai ter de tudo, desde sugestões de leitura para quem quer entrar na área de criação até oficina de Contos Fantásticos. Também estamos preparando algumas pequenas surpresas para acolher os leitores na noite de abertura”, adianta a poeta Fernanda Monteiro, também na organização.

O principal atrativo do Festim de Maio será o desconto no preço dos livros, que serão vendidos por valores entre 20% e 30% mais baixos que nas livrarias. “Mas o evento de abertura também vai trazer uma proposta inovadora e criativa. Com certeza, será uma noite especial. Quem curte literatura não deve deixar de ir”, sugere Marciele Goetzke, que escreve literatura de terror.

O Festim de Maio ocorre dias 9, 10 e 11 de maio, com apoio institucional da Bibliotheca Pública Pelotense (BPP) e da Prefeitura de Pelotas. Os primeiros dois dias serão na BPP e o terceiro, junto ao Mercado das Pulgas, no entorno do Mercado Central, com a venda dos livros ao ar livre, presença dos escritores e animadores fazendo a divulgação.

Foto: Moizes Vasconcellos

Criado oficialmente em 16 de fevereiro deste ano, com o intuito de promover a valorização da literatura local, o Coletivo Autores de Pelotas tem uma página no Facebook e um perfil no Instagram – #EuLeioPelotas. Atualmente conta com 36 integrantes, entre romancistas, cronistas, poetas, quadrinistas, contistas, cartunistas e fotógrafos que têm ao menos uma publicação e abordam os mais variados gêneros literários. Vinte e sete dos autores terão um ou mais de seus livros à venda no Festim de Maio.

Confira a programação do 1º Festim de Maio – #EuLeioPelotas:

Dia 9 de maio (quinta-feira) – Abertura
Local: Salão nobre a Bibliotheca Pública Pelotense
Hora: das 19h às 21h30min
Entrada Franca
Evento conduzido pelas atrizes Ana Alice Müller e Val Fabres, da Companhia Pelotense de Repertório Teatral, que irão interagir com o público e conversar com os autores do Coletivo, em entrevistas curtas. Leituras de trechos de livros e poemas, pelos participantes do evento, e música ao vivo com canções autorais de Ricardo Rodrigues (violino), entre outras.

Dia 10 de maio (sexta-feira) – Bate-papos e oficinas
Local: Bibliotheca Pública Pelotense
Hora: das 14h às 21h30min
Entrada Franca

Venda de livros de autores pelotenses com desconto de 20%, 25% ou 30% sobre o preço vendido nas livrarias.

Bate-papos com autores:
14h às 15h – André Macedo (cartunista) e Sandro Andrade (quadrinista)
15h às 15h30 – Gilberto Cabana (escritor de auto-ajuda)
15h30 às 16h – Jonas Martins Santos (quadrinista)
16h às 16h30min – Joice Lima (romancista)
16h30 às 17h30 – Alvaro Barcellos (poeta) e Leonardo Alves (poeta)
17h30 às 18h30min – Ju Lund (escritora), León Sanguiné (escritor), Olga Pereira (escritora) e Tânia Porto (poeta)
18h30 às 19h – Intervalo – áudios de trechos de livros gravados pelos autores
19h às 20h – Ana Paula Camargo (poeta), Charlie Rayné (cronista), Deco Rodrigues (romancista), Fernanda Monteiro (poeta) e Jorge Braga (escritor)
20h às 20h30min – Pedro Guimarães (coach)
20h30min às 21h30min – Marciele Goetzke (literatura de terror) e Jefferson Gonçalves (poeta)

Oficinas e palestras literárias
Na mesma tarde, simultaneamente aos bate-papos, serão oferecidas oficinas e palestras literárias. As vagas são limitadas a 10 participantes por oficina.

Quem quiser garantir vaga, pode fazer inscrição antecipada pelo e-mail euleiopelotas@gmail.com, especificando a oficina e/ou autor. Se sobrarem vagas, poderão ser preenchidas na hora.

14h – Oficina de Contos Fantásticos, ministrante Ju Lund
15h – Alteridade contida na Cultura Africana, ministrante Olga Pereira
16h – Oficina de Criação de Histórias HQ/Cinema/Animação/Literatura), ministrante Sandro Andrade
16h – A evolução da consciência para viver melhor, ministrante Gilberto Cabana
17h – O universo do personagem Espírito Livre e sua ambientação na cidade de Pelotas (Oficina de HQ), ministrante Jonas Fernando Martins Santos
18h – Processo de Criação Literária, ministrante Joice Lima
19h – Oficina de MOBgrafia – fotografia com mobile phone (celular), a tendência que veio para ficar; ministrante Moizes Vasconcellos
20h – Conversa com o autor sobre criação literária, ministrante Jorge Braga

Dia 11 de maio (sábado) – Feira ao ar livre
Local: jundo ao Mercado das Pulgas (entorno do Mercado Central)
Hora: das 10h às 17h
Entrada Franca

Venda de livros de autores pelotenses com desconto de 20%, 25% ou 30% sobre o preço vendido nas livrarias.

O evento tem apoio da Bibliotheca Pública Pelotense (BPP), Prefeitura Municipal de Pelotas e E2B Produções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *