Alento em forma de ritmo e poesia no novo single do rapper Mano Rick

Arquivo Mano Rick

“A insegurança dos manos tem impedido pérolas de brilhar”: essa linha resume a motivação para a criação da canção Alento, single de Mano Rick lançado no final de setembro nas plataformas digitais.

O rapper conta que se inspirou para canetar as rimas durante um momento de busca por reorganização de sua trajetória frente aos desafios que o mundo impõe, tanto no âmbito profissional quanto das relações pessoais.

A música, escrita em 2019, foi bastante influenciada pela morte do rapper Fill, que ocorreu em agosto daquele ano e comoveu a cena do rap nacional e a comunidade cultural pelotense como um todo, motivando uma reflexão sobre a fragilidade e a valorização da vida. Nesse contexto, Alento fala de dificuldades, e a busca por superação.

Dois anos depois, em um mundo que luta por se adaptar a um “novo normal” e lidar com os traumas da pandemia, um novo fôlego para seguir em frente se faz ainda mais necessário. Assim, Alento chega aos ouvidos dos fãs na hora certa.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

O single conta com a participação da cantora Leh Moraes no refrão, em uma sonoridade descrita por Rick como próxima do jazz, pela diversidade de instrumentos e experimentação que perpassa a base harmônica.

A produção musical é uma criação colaborativa entre Luciano Matuck, Esmute, Lucas Consentins e Gabriel Soares, músicos parceiros de Mano Rick em seus últimos trabalhos lançados pelo 4Passo, selo musical independente gerido pelo próprio rapper.

O instrumental é composto por bateria eletrônica, piano elétrico, guitarra, baixo e samples de instrumentos em loop misturados com sons metálicos, ruídos e até mesmo sons de colheres. A ideia inicial dos músicos era criar uma faixa puramente instrumental, quando a base harmônica havia surgido durante uma jam session em estúdio. A batida foi adaptada ao rap após Mano Rick demonstrar interesse em compor a partir dela.

Ouça Alento nas plataformas de áudio: https://fanlink.to/alento

Sobre Mano Rick

Arquivo Mano Rick

Cria do loteamento Dunas (Pelotas/RS), Luis Henrique Duarte, o rapper Mano Rick, atua no movimento Hip Hop desde 2007. Além de MC, Mano Rick é produtor musical/fonográfico e responsável pela gestão e direção de marketing no seu próprio selo, o 4Passo.

Sua primeira experiência em estúdio foi em 2008, aos 11 anos de idade, dentro do projeto social “Meu Ambiente é Aqui”, que trabalhava a consciência ambiental por meio da arte. Desde criança Mano Rick se envolveu com a música em projetos sociais e na sua escola, o que o levou a conhecer os palcos e participar de festivais de música independente. Essa experiência durante a infância e início da adolescência serviu de base para que Mano Rick se lançasse em carreira solo.

Em 2013 lança Fatos e Fatos, seu primeiro EP, contendo 6 faixas. Contemplado pelo Procultura Pelotas, edital municipal de incentivo à cultura, lança o álbum Do Dunas Pro Mundo, em 2017. O álbum foi o seu primeiro trabalho mais profissional, inspirado em suas vivências na comunidade do Dunas, e com uma musicalidade mista, resultante da fusão dos beats eletrônicos com instrumentos musicais acústicos.

Desde 2019 o rapper faz parte do projeto Beats e Tambores, onde atua como MC, apresentador e membro do núcleo gestor. No Dunas, Rick faz parte do conselho gestor do CDD (Comitê de Desenvolvimento do Loteamento Dunas), onde é parceiro desde 2007.

Siga Mano Rick!

Facebook: facebook.com/manorickduarte
Instagram: instagram.com/manorickduarte
Twitter: twitter.com/manorickduarte

Ouça/Assista:

Spotify: spotify.com
Youtube: youtube.com/manorickduarte

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Texto: Paulo Ienczak

Sobre Paulo Ienczak 9 Artigos
Jornalista. Apaixonado por Hip Hop, skate, toda a cultura de rua que movimenta vidas e sonhos. Um mundo melhor é possível!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*