Cardo Peixoto e Valder Valeirão lançam EP Precisão nesta terça-feira (23)

Precisão é o nome do EP (Extended Play) que será lançado, nas plataformas de música digital, na próxima terça-feira, 23 de junho, a partir de 00:00 h. O trabalho traz a poesia de Valder Valeirão, musicada por Cardo Peixoto.

São 5 canções, gravadas e produzidas no home studio do próprio compositor, em Caxias do Sul, durante o período de isolamento social da Covid-19.

O poeta e o músico se conhecem há bastante tempo e são amigos pessoais, mas a ideia de realizar este projeto é nova, apesar de que a maioria das músicas já estivesse composta.

As poesias falam das relações entre as pessoas, em suas diferentes nuances. A música traz os fortes traços da tradicional MPB, valendo-se de instrumentos acústicos e pulsações bem brasileiras.

Todos os instrumentos, na gravação, foram executados por Cardo Peixoto, à exceção da participação de Eduardo Arruda, que tocou vibrafone em uma faixa. O EP Precisão foi mixado por Cardo Peixoto e masterizado por Osni Ribeiro, do Estúdio Abacateiro, de Botucatu, SP.

Valder Valeirão – Arquivo Pessoal

Valder Valeirão
Natural de Pelotas, onde atua como designer gráfico, poeta, músico e ativista cultural. É co-criador do grupo Mandinga – Arte Cultura [2013] que busca aglutinar, fomentar e divulgar produções de poetas, músicos, fotógrafos, artistas visuais. Dentre as ações deste coletivo, participou do grupo que idealizou e administra o Mandinga Editorial, que já lançou 5 livros, via Procultura – Fundo Municipal de Cultura de Pelotas, nos anos de 2018/19. Em dezembro de 2018, lançou seu livro “Outonos no chão”.

Ao mesmo tempo que integra e assina o EP Precisão, também participa do projeto de áudio visual “Poesia das Coisas” aprovado no edital cultural Sete ao Entardecer da Secult-Pelotas, em 2020.

Cardo Peixoto – Arquivo Pessoal

Cardo Peixoto
Músico, compositor, produtor musical e professor de canto. Natural de Pelotas, radicado em Caxias do Sul, há 12 anos. Sua discografia conta com 4 álbuns: Rota da Estrela (2002), Canções de Armar e Desarmar (2007), As Estações (2015) e Menino Brasileiro (2017); além de participações em diversas coletâneas. Sua música o levou a realizar shows em vários estados do Brasil, além de Uruguai, Holanda, Bélgica e Alemanha.

Integra o projeto Dandô – Circuito de Música Dércio Marques, que já está em seu sétimo ano e promove, de forma colaborativa e autônoma, a circulação de artistas de raiz brasileira, abrangendo seis estados; além de Uruguai, Argentina, Chile e Venezuela, na América Latina; e Portugal, Espanha e França, na Europa. Atualmente é o coordenador do Dandô, no Rio Grande do Sul, onde o circuito passa por 13 cidades.

Precisão está sendo distribuído pela Tratore, maior distribuidora de artistas independentes do Brasil, e estará disponível nas principais plataformas de streaming e venda de música digital.

Sobre Deco Rodrigues 6337 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*