Listão de clipes de abril: Doidivanas, Lara Rossato, Guido CNR, Marinas Found e mais

Zombie Jonhson - Arte @gabrielcampos360
No começo de abril publiquemos aqui uma lista de vídeos lançados por artistas gaúchos nas primeiras semanas de quarentena (confira aqui). Entre esses vídeos: clipes de Zudizilla, Cardamomo, Mumu, além de músicas inéditas apresentadas ao vivo por artistas como Rita Zart e VACAMARELA.
.
Desde aquela publicação, comecei um rascunho para acompanhar os audiovisuais de artista locais que saíam a cada semana. O resultado foi um listão com 11 clipes lançados em abril por artistas pelotenses (ou quase isso).
.
Pode soar meio clichê, mas cabe dizer que tem para todos os gostos: MPB, pop, rock, regionalismo, rap, trap. Entre os vídeos encontramos animação, performance, cenas do cotidiano e vídeos caseiros. Para quem quiser ouvir tudo pelo spotify, segue a playlist.
.
Doidivanas – Próximos Distantes
Gravada em meio ao período de distanciamento social, o clipe da banda Doidivanas mostra como pessoas estão fazendo para manter os laços afetivos nesses tempos. Para isso, a banda convocou dezenas de amigos e fãs “para enviar uma mensagem e um abraço virtual a quem está longe e sente falta”. A música escolhida, ‘Próximos Distante’, é a que dá nome ao mais recente álbum do grupo, lançado em 2017. (Saiba mais)

Marinas Found – O Mundo É Mais Que Eu
Já a Marinas Found apresentou um divertido clipe para música ‘O Mundo é Mais Que Eu’. O vídeo de animação é assinado pelo ex-baterista da banda, Arthur Feltraco. A música escolhida é a terceira e mais curta faixa do álbum Ansiolítico, que o quarteto de punk/hardcore melódico lançou em abril do ano passado. (Saiba mais)

Kenny-G & Guido CNR – Sucessor
Com mais de duas décadas dedicadas ao Rap, Guido CNR lançou um novo disco em março. Batizado de ‘04.03.80’, o trabalho conta com várias participações especiais. Entre estas participações está W. Kenny-G, filho do Guido. Da parceria com o filhão surgiu a faixa ‘Sucessor’. Em menos de um mês, o clipe já bateu 12 mil views.
Confira aqui matéria especial sobre o mais recente disco.

Bruno Chaves – Revesso

Bruno Chaves assume-se como um artista de multifacetas. Em seu mais recente single, ele assina música, letra, instrumental, além de ser responsável por roteiro, direção e edição do clipe. No vídeo, Bruno registra o processo de construção de uma marionete. A música chega como um primeiro single, uma introdução, de um novo trabalho que deve vir na sequência do ano. (Saiba mais)

As Longas Viagens – Preso no Chão
Em comemoração ao primeiro aniversário do álbum de estréia, “A Conquista do Inútil”, As Longas Viagens lançou, no último dia 12, um clipe para faixa ‘Preso no Chão’. O vídeo é um registro feito por Felipe Yurgel durante a sessão de gravação que finalizou a parte instrumental do álbum. O disco foi gravado ao vivo no estúdio A Vapor em Pelotas. Confira aqui matéria publicada na época do lançamento do segundo disco da banda.

Zombie Johnson – Dunas é o Berço Dos Loucos
‘Dunas é o Berço dos Loucos’ é uma das 12 faixas do álbum ‘Safra 1995’. Lançado no começo do ano, o registro coloca o nome de Zombie Johnson em evidência como um dos principais rappers da cidade. O clipe mostra um pouco da rotina no bairro Dunas seguindo a risca letra: “Levo a quebra no peito. Eu levo a quebrada na letra. Tudo me inspira na vila”. Com roteiro de Zombie Johnson e Mello Jean, o vídeo contou com direção Gabriel Campos e Takeo Ito, edição e finalização de Gabriel Campos.

Lara Rossato – hum hum hum
Natural de Dom Pedrito, Lara Rossato morou em Pelotas por mais de seis anos, quando começou a emplacar sua carreira de cantora profissional. Foi nesse período que ela lançou seu primeiro disco demo intitulado “Doce”. A canção ‘hum hum hum’ foi apresentada como single em janeiro do ano passado. Havia a expectativa de que um clipe fosse lançado na sequência, mas houve um conflito com o produtor que ela trabalhava na época. “Foi extremamente pesado e custou caríssimo pro meu bolso e pra minha saúde mental”, declarou Lara em uma postagem em sua página. “Depois de um ano e umas feridinhas curadas, finalmente eu vou consegui dar esse presente pra todos que gostam da minha música: agora uma versão acústica com um clipe lindo, dirigido por mim”, comemora.

Sulimar Rass – Fome de Verso
A canção “Fome de versos” foi lançada nas plataformas digitais no início de março. O clipe tinha previsão de lançamento para maio. Devido a atual situação de isolamento social, o artista decidiu antecipar o vídeo que conta com imagens das gravações. Além de Sulimar Rass (voz e violão), a música conta com os músicos Edu Martins (baixo acústico), Mariano Tiki Canteiro (percussão) e Luiz Mauro Filho (teclado), em gravações divididas no Ecostudio de Buenos Aires e no Estúdio Transcendental de Porto Alegre. As imagens foram captadas por Willian Bandeira.

Aluisio Rockembach – Depois que Isso Passar
O acordeonista e cantautor Aluisio Rockembach, em uma parceira inédita com o músico e compositor Gujo Teixeira, lançou no último dia 20 a música ‘Depois que Isso Passar’. O poema de Gujo Teixeira faz uma reflexão sobre o momento atual tentando apontar para um mundo que podemos almejar pós pandemia. O clipe conta com edição de Leandro Lopes e mostra um pouco de cada um que participou do processo de criação e gravação da música. Além de Rockembach, que interpreta e toca acordeon, a gravação conta com Luciano Fagundes (violões, guitarrón e baixo), Davi Batuka (percussão) e Pablo Bembe (violino).

paradoxo. Negreen MDF’ – Porta Mala
A UnderF4mily apresenta-se como um selo independente que reúne MCs, produtores, fotografas, ilustradores, ou seja, pessoas fazendo uma pá de coisas. Em resumo, um trabalho coletivo que vem gerando frutos. O mais recente é o som e clipe “Porta Mala”. O vídeo conta com direção e edição de Leonardo Kleinowski (DELAMÍDIA).

Thiago Ramil e Duda Brack – Tropeço
Ok, Thiago Ramil é um artista radicado em Porto Alegre. Vindo da família Ramil, dos tios Kleiton, Kledir e Vitor, Thiago possui dois álbuns lançados via selo Escápula Records. A parceira com Duda Brack é do mais recente deles, o disco ‘EmFrente’ de 2018, que lhe rendeu o Prêmio Açorianos na categoria Melhor Compositor Pop. Dirigido por Guilherme Becker, o clipe gira em torno da dançarina Julia Leindecker, que desenha passos trôpegos e sensíveis entre fileiras de ovos dispostos sobre paralelepípedos.

Sobre Cassio Lilge 145 Artigos
Jornalista, estudante de História, obcecado por música. Conhece menos atalhos em seu computador que a sua gata.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*