Rapper pelotense Dirty Lion lança vídeo do single ‘Despertar de uma Manhã’

Dirty Lion - Despertar de uma Manhã - Foto: Kaleb Rodriguez

Está no Youtube o videoclipe “Despertar de uma Manhã”, do rapper brasileiro Dirty Lion. A música é o terceiro single do álbum inédito Kumatê Ray, com previsão de lançamento para o segundo semestre de 2021. A faixa tem produção de Paulo Júnior, enquanto o vídeo tem edição de Acauã Barrence e direção de Kaleb Rodriguez e Renato Medeiros.

Natural de Pelotas (RS), Dirty Lion é MC, “artivista” e “guardião de sementes”, termos com os quais se descreve. O cantor traz mensagens sobre cultura, sociedade, fortalecimento social e, principalmente, proteção à natureza. Com os rappers Pok Sombra e Zudizilla, fez parte do coletivo K-Zero Alternativo. O grupo abriu shows de grandes nomes do hip hop como Emicida, Flora Matos, Kamau e Rashid.

A música é fruto de uma viagem do artista gaúcho à Belo Horizonte (MG). Os novos ares da cidade logo se misturaram ao processo criativo do rapper: Outros estados, cidades, vou indo / pelos bairros vendo o Hip Hop vivo / Já cruzei Santa Teresa lá no RJ, agora em BH mais / um dedinho de prosa / Respirando o dia e a poesia.

“Viver essa experiência de estar viajando com a minha arte e vendo o movimento Hip Hop é como viver um sonho e essa é a ideia deste som e deste videoclipe”, resume Dirty Lion. O músico é autor dos álbuns “NaturezAÇÃO” (2013) e “Mergulhe Fundo” (2017). Os outros singles já lançados de seu terceiro álbum – Kumatê Ray – são: Respeita e Não Me Segue.

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Dirty Lion – Despertar de uma Manhã – Foto: Kaleb Rodriguez

Canais de comunicação
Facebook: /dirtylion
Instagram: @orecicdirtylion
YouTube: /GarcezDirtyLion

Letra
“Despertar de uma Manhã”
Autor: Dirty Lion

Era a luz do despertar de uma manhã

Sol ardendo, brilhando e eu jogado no colchão

O frajola da área já na disposição

Subiu uns bagulho, fez barulho, chamou minha

atenção

Fui de encontro a pia, água no rosto depois urina

Já na cozinha, água no copo

Rapé no pátio, bom dia

Na sequência sensimilla, licença as forças da flores

que aliviam

No meu estado, mesmo em outro estado

agora estando, talvez já tivesse estado

é complicado mas é fácil entender, é só deixar as

pernas e a caneta correr

Outros estados, cidades, vou indo

pelos bairros vendo o Hip Hop vivo

Outros estados, cidades, vou indo

pelos bairros vendo o Hip Hop vivo

Já cruzei Santa Teresa lá no RJ, agora em BH mais

um dedinho de prosa

Respirando o dia e a poesia

indo a padaria no início da subida, ou descida

decida, depende da percepção mas indiferente o

importante é o café e o pão

agradecido por isso e pelo domingo

role de ontem me largou sorrindo

com sentimento, tô vivo

girando como um par de discos

pois nada é a esmo, o Hip Hop é outro mais ainda é

o mesmo

Outros estados, cidades, vou indo

pelos bairros vendo o Hip Hop vivo

Outros estados, cidades, vou indo

pelos bairros vendo o Hip Hop vivo

Clique aqui e torne-se um apoiador e-cult

Sobre Deco Rodrigues 6588 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*