SMCas terá R$ 68,5 mil para educação musical em Pelotas

A Secretaria de Cidadania e Assistência Social (SMCas) garantiu, junto à Secretaria do Trabalho e do Desenvolvimento Social (STDS) do Estado, um recurso de R$ 68,5 mil para oficinas de música, iniciando com o Centro de Referência e Assistência Social (Cras) Areal. O convênio foi assinado nesta segunda-feira (26), pela secretária Berenice Nunes.

O recurso é para a contratação de instrutores, compras de equipamentos e 30 instrumentos, divididos em violão, violino, pistão, trombone, saxofone, banjo, teclado, acordeom, surdo, pandeiro, bateria, flauta doce e cavaquinho.

O projeto foi aprovado pela banca de avaliação do Fundo Estadual de Assistência Social (Feas) e beneficiará cerca de cem crianças e adolescentes em três grupos – até seis anos, de seis a 15 anos e de 15 a 17 anos – para o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

As oficinas serão ministradas no Comitê de Desenvolvimento Dunas (CDD), e devem se expandir para os usuários de outros Cras. Haverá oficinas de teclados, cordas, percussão e metais, com, pelo menos, 20 alunos em cada.

Para que sejam beneficiadas no projeto, crianças e adolescentes precisam preencher algumas condicionalidades, como estar matriculados e cursando ensino regular. Para a secretária, o projeto buscou o exemplo em outras instituições, onde crianças e adolescentes estão em um ambiente protegido, com uma atividade prazerosa, com música pura, aprendendo a linguagem musical. “É mais do que formação cultural, é formação para a vida”, afirma.

De acordo com Berenice, também já foi aprovado pelo Feas outro projeto da SMCas, de inclusão produtiva familiar, que envolverá 122 famílias de quatro comunidades quilombolas – Algodão, Vó Elvira, Rincão da Cruz e Alto do Caixão. O projeto de R$ 50 mil já foi aprovado pela Feas, e agora aguarda a homologação da Casa Civil.

Redator: Alessandra Meirelles – 10052
Foto: Divulgação
Fonte: pelotas.com.br

Sobre Deco Rodrigues 6557 Artigos
Jornaleiro/Produtor cultural, social mídia, gestor de conteúdo web, pretenso escritor, autor estreante com o romance Três contra Todos.