8º Festival Internacional Sesc de Música – Abertura atrai mais de 2 mil espectadores

0
575

Mantenedores

Evento iniciou na tarde desta segunda-feira (15/01), em Pelotas, e segue até 26/01, com programação intensa.

8 º Festival Internacional Sesc de Música em Pelotas-RS Cortejo Musical, músicos do festival pelas ruas de Pelotas. Data: 15-01-2018 Foto: Flávio Neves
8 º Festival Internacional Sesc de Música em Pelotas-RS
Cortejo Musical, músicos do festival pelas ruas de Pelotas.
Data: 15-01-2018
Foto: Flávio Neves

Acordes animados de centenas de instrumentos, como trompetes, tubas, trompas e trombones marcaram o início do 8º Festival Internacional Sesc de Música, na tarde desta segunda-feira (15/01), em Pelotas. Mais de 500 pessoas, entre músicos e comunidade, estiveram envolvidas com o repertório alegre do cortejo de abertura do evento, que ocorreu às 18h, com saída do Mercado Público. Após a apresentação inicial, a Bibliotheca Pública apresentou um recital de canto e piano em homenagem ao centenário do Conservatório de Música de Pelotas. A atração conquistou 250 ouvintes, lotando as acomodações do local. Já às 20h30, o palco do Theatro Guarany recebeu o grupo alemão Ensemble Berlin, no concerto oficial de abertura. A atração, que teve os ingressos esgotados no segundo dia de retirada, emocionou cerca de 1,5 mil pessoas.

O engajamento da comunidade pelotense com o evento é algo crescente e cada vez mais intenso, como salientou a prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas, na cerimônia de abertura. “O Festival vem se diversificando e, junto a ele, nossa plateia. A cada ano, percebemos um público cada vez maior e mais heterogêneo”, observa. Para ela, o evento conquista pelo profissionalismo em que é concebido e produzido. “Há oito anos os nossos janeiros não são mais os mesmos. O nosso janeiro mudou por conta da competência, compromisso e qualidade do Festival. A cultura brasileira não seria a mesma sem o Sesc”, declara.

Além de o Festival ser um convite à comunidade para vivenciar a cultura, também é uma oportunidade de girar a economia do município, que recebe durante 12 dias cerca de 500 pessoas, entre alunos, professores e equipe organizadora. “É importante que todos se apropriem dessa chance para fomentar a economia local, principalmente os trabalhadores do comércio e serviços. O Festival também serve como instrumento socioeconômico de desenvolvimento dessa região. Por isso, convido a todos para receberem os alunos e professores de braços abertos, pois o Festival é feito para todos nós”, estimula o diretor da Fecomércio-RS Gilmar Tadeu Bazanella.

Se o Festival contribui economicamente para o município e região, também é uma ferramenta de desenvolvimento social, como aponta Luiz Tadeu Piva, diretor regional do Sesc/RS. “Com o Festival não deixamos apenas resultados econômicos, mas também, sociais e comportamentais. O intercâmbio que estes alunos vão ter e que a comunidade está vivenciando é algo muito importante. Nós já sabemos de resultados de alunos que estudaram aqui e hoje estão se aprimorando em outros países. Esses ganhos é que fazem o Festival o maior e melhor do país”, destaca.

Até 26 de janeiro, o Festival segue com programação intensa em diversos locais de Pelotas. Ao todo, o evento apresenta mais de 50 espetáculos totalmente gratuitos. Entre os destaques dos próximos dias, está o concerto com Carlos Malta e Pife Muderno, na noite desta terça-feira (16/01), às 20h30, no Teatro Guarany. Esta atração contará também com transmissão ao vivo, no site www.sesc-rs.com.br/festival. Na tarde da quarta-feira (17/01), a Biblioteca Pública recebe músicos de quatro nacionalidades para um recital de cordas, piano e harpa. Já na quinta-feira (18/01), a Orquestra SpokFrevo irá agitar o Teatro, com seu repertório diferenciado e envolvente. Confira abaixo a programação completa e mais destaques desta edição.

SOBRE O 8º FESTIVAL INTERNACIONAL SESC DE MÚSICA
O QUE É? O Festival Internacional Sesc de Música é um dos maiores da área na América Latina e tem o objetivo de incentivar o desenvolvimento da produção musical e fomentar o intercâmbio e o desfrute de bens culturais.
QUANDO? De 15 a 26 de janeiro de 2018, em Pelotas.
COMO? Durante o Festival, no turno da manhã, acontecem as classes (cursos); no período da tarde, os ensaios; e à noite, as apresentações, todas com entrada franca para a comunidade.

Leia também: Pelotas recebe 8º Festival Internacional Sesc de Música

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA