Artista gaúcha é uma das convidadas como ilustradora da Amazon para a Bienal do Livro

0
2369

Mantenedores

Melissa Westphal, natural de São Lourenço do Sul, está entre oito artistas nacionais convidados pela Amazon para ilustrar materiais para a Bienal do Livro do Rio de Janeiro em 2017.

O convite surgiu através de um contato da Amazon por mensagem na conta do Instagram do estúdio da artista, o manifestocuticuti, que já conta com mais de 25 mil seguidores.

BoxyNão foi um simples convite de participação, foi uma proposta de trabalho, um importante reconhecimento a toda produção que Melissa vem realizando. E a artista viajou até São Paulo para ilustrar com seus traços o “Boxy”, um dos personagem da Amazon em tamanho real (1,80cm por 1,20cm) em evento especial realizado no último dia 15 de agosto.

Ao total serão oito artistas para essa ação. Seis ilustradores foram até São Paulo ilustrar seu “Boxy” em um evento aberto ao público. Outros dois Boxys serão ilustrados diretamente no Rio de Janeiro (um deles vai ser durante a própria Bienal).

Melissa atualmente mora em São Lourenço do Sul, mas já está acostumada em viajar até Porto Alegre e para fora do RS a trabalho, principalmente para atender clientes do Rio de Janeiro e São Paulo. A artista revela que a ilustração do “Boxy” não será sua única participação nesta Bienal, mas que não pode revelar as surpresas guardadas pela Amazon.

Melissa Westphal
A jovem artista tem 26 anos, formada em Comunicação Visual pelo Instituto Federal Sul-rio-grandense e Design Gráfico pela Universidade Federal de Pelotas/RS. Trabalha como designer e ilustradora freelancer e se considera acima de tudo uma artista que sente a necessidade de trazer um pouco mais de cor e fofura pra esse mundo caótico em que vivemos.

Boxy ainda não finalizado, tem que ir pra bienal ver ele prontinho! Foto: Melissa Westphal
Boxy ainda não finalizado, tem que ir pra bienal ver ele prontinho! Foto: Melissa Westphal

Manifesto Cuticuti
O Manifesto Cuticuti surgiu em 2011, através de um trabalho de arte urbana – enquanto Melissa cursava a faculdade de Artes Visuais na Universidade Federal de Pelotas – RS. A ideia era colar cartazes lambe-lambe com mensagens/ilustrações positivas pelas ruas e cidades que a artista percorria.

No decorrer dos anos a artista, o Manifesto e seu traço evoluíram e em 2015 Melissa resolveu assumir toda sua produção artística e nomear ela como Manifesto Cuticuti. Com intenção de desenvolver um projeto/discurso/manifesto que defende princípios que ela mesma julga íntegros e essenciais na sociedade em que vivemos.

Já em 2016, o projeto que surgiu de maneira espontânea e despretensiosa, se tornou a profissão e atualmente o Manifesto Cuticuti é um Estúdio Autoral de Ilustração e Design que tem como objetivo – através da ilustração – tornar o mundo um lugar mais cuticuti.

“O projeto surge para levar um pouco mais de cuti-cutice e felicidade para o cotidiano das pessoas, seja no lambe-lambe que elas encontram na rua, no produto ilustrado que elas adquirem ou em alguma publicação nas redes sociais.” define a ilustradora.

Acesse:
www.instagram.com/manifestocuticuti
www.instagram.com/melissa_westphal

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA