Homenagem ao Jazz faz tributo a João Bosco, com concerto em Porto Alegre

0
423

Mantenedores

O músico se apresenta com a big band The Brothers Orchestra no domingo, 22 de abril, com entrada franca. Projeto, que está na sua segunda edição, valoriza o Choro com a criação do Palco Plauto Cruz e promove outras atividades, como shows em bares da Capital e oficinas de música em escolas da rede pública.

Foto: Flora Pimentel
Foto: Flora Pimentel

No dia 22 de abril, domingo, o projeto Homenagem ao Jazz realiza um tributo a João Bosco, com espetáculo ao ar livre com a big band The Brothers Orchestra. O músico participa da apresentação, revisitando clássicos de sua carreira. A Brothers Orchestra homenageia João Bosco com arranjos para músicas consagradas do autor, como Incompatibilidade de Gênios, Coisa Feita, Jade, Bijuterias e De Frente Pro Crime. O show começa às 16h, no Parcão (Parque Moinhos de Vento, na quadra de futebol). Para abrir o tributo, o projeto traz outras quatro apresentações, que começam a partir do meio-dia: Kiai Grupo, Camila Toledo (com um tributo a Billie Holliday), Caio Maurente Trio e Rodrigo Nassif Trio. O DJ Augusto Nesi faz a passagem nos intervalos entre os shows. A entrada é franca.

Em sua segunda edição, o projeto Homenagem ao Jazz contempla uma série de atividades – todas com entrada franca -, como shows em pubs de Porto Alegre e apresentações de Chorinho no Palco Choro Plauto Cruz – criado para homenagear o flautista portoalegrense, falecido recentemente. As apresentações acontecem na Travessa dos Cataventos da Casa de Cultura Mario Quintana, nos dias 27 e 28 de abril (sexta e sábado), com shows do grupo Choro Novo (Oficina de Choro Santander Cultural), Nani Medeiros, Mathias 7 Cordas e Terra Brasilis. Um dos mais importantes músicos do Rio Grande do Sul, Plauto Cruz recebe esta homenagem pela importância de sua obra e sua excelência como músico. “O jazz é uma música que inclui diversas manifestações musicais, que se amalgama com outros estilos e se estrutura nessa liberdade de criação. Tem em comum com o Choro, o improviso, onde Plauto era mestre. Assim, é com absoluta naturalidade que incluímos o Choro no Homenagem ao Jazz, e Plauto Cruz, com sua mágica flauta e seu carisma musical contagiante, é o nome perfeito para esta comunhão entre os gêneros”, afirma Carlos Badia, curador do projeto.

Kiai Grupo - Foto: Mariana Borges
Kiai Grupo – Foto: Mariana Borges

Entre abril e maio, três bares da Capital que tradicionalmente apoiam o Jazz – London Pub, Gravador Pub e Espaço Cultural 512 – vão receber shows de Kiai Grupo, Camila Toledo, Caio Maurente Trio e Rodrigo Nassif Trio (confira abaixo o serviço completo). Os músicos – que foram escolhidos também para a abertura do tributo a João Bosco – são expoentes no cenário da música instrumental do Rio Grande do Sul e se apresentaram em edições do POA Jazz Festival.

Outra característica do projeto é o incentivo à formação de público para o jazz. Para tanto, nessa edição serão realizadas 45 oficinas musicais para crianças e adolescentes da Rede Municipal de Ensino. As oficinas vão acontecer entre os meses de maio e junho, e serão ministradas pelos oficineiros Alexandre Missel, Pedro Henrique Sena e Guilherme Sanches.

Além dessa atividades, a Poa Jazz Band – banda itinerante do Poa Jazz Festival – vai levar música para as ruas e locais públicos de Porto Alegre. Serão 15 saídas-surpresa, em que a já conhecida e animada banda vai interagir com as pessoas e divulgar a programação do projeto.

O projeto Homenagem ao Jazz tem o Patrocínio Master da Souza Cruz, com financiamento pelo Pró-Cultura RS/Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Apoio: Instituto Estadual de Música, Agibank e Poa Jazz Festival. Realização: Branco Produções, Fly Áudio e Experimentais | CriaCultura.

Homenagem ao Jazz
Programação Completa | Entrada Franca

Tributo a João Bosco
Dia 22 de abril, domingo
Local: Parcão (Parque Moinhos de Vento / quadra de futebol)
Às 12h10 – Kiai Grupo
Às 13h – Tributo a Billie Holliday, com Camila Toledo
Às 14h – Caio Maurente Trio
Às 15 – Rodrigo Nassif Trio
Às 16h – Homenagem a João Bosco, com The Brothers Orchestra e João Bosco
(DJ Augusto Nesi nos intervalos entre os shows)

Palco Choro Plauto Cruz
Dias 27 e 28 de abril, das 17h às 20h
Local: Travessa dos Cataventos, na Casa de Cultura Mario Quintana (R. dos Andradas, 736 – Centro Histórico)

Dia 27 de abril, sexta-feira
Choro Novo – Grupo da Oficina de Choro Santander Cultural
Nani Medeiros canta Choros

Dia 28 de abril, sábado
Mathias 7 Cordas – Falso Folião
Terra Brasilis

Shows em Pubs
· Dia 21 de abril, sábado, às 22h: KIAI Grupo, no London Pub (Rua José do Patrocínio, 964 – Cidade Baixa)

· Dia 27 de abril, sexta-feira, às 22h: Rodrigo Nassif Quarteto, no Gravador Pub (Rua Conde de Porto Alegre, 22 – São Geraldo)

· Dia 3 de maio, quinta-feira, às 22h: Caio Maurente Quarteto, no London Pub (Rua José do Patrocínio, 964 – Cidade Baixa)

· Dia 31 de maio, quinta-feira, às 22h: Tributo a Billie Holiday, com Camila Toledo, no Espaço Cultural 512 (Rua João Alfredo, 512 – Cidade Baixa)

Sobre o projeto
Inicialmente fazendo parte do POA JAZZ FESTIVAL, o projeto Homenagem ao Jazz nasceu como um tributo a músicos brasileiros que influenciaram o Jazz e a música instrumental pelo mundo todo. Em 2015 e 2016, João Donato e Milton Nascimento receberam homenagens, com concertos ao ar livre na Capital gaúcha. A partir de 2017, o projeto ganhou vida própria, tendo como homenageado o músico Hermeto Pascoal. Saiba mais em: https://www.facebook.com/homenagemaojazz/

Sobre João Bosco
João Bosco começou a tocar violão aos doze anos. Apesar de não deixar de lado os estudos de Engenharia, dedicou-se sobremaneira à carreira musical, influenciado principalmente pelo jazz, pela bossa nova e o tropicalismo. Em 1970 conheceu seu parceiro mais importante: Aldir Blanc, com quem criou obras de enorme relevância na música brasileira. Seu violão refinado e swingado, e seus criativos improvisos vocais influenciam jazzistas ao redor do mundo.

Sobre a Brothers Orquestra
The Brothers Orchestra é uma Big Band portoalegrense, atuante desde setembro de 2010, que reúne grandes músicos da cidade, com destaque para os naipes de metais. Com versatilidade e arranjos sempre criativos, seu repertório musical vai desde clássicos do jazz como Fly Me To The Moon e April In Paris, e compositores como Glenn Miller, Miles Davis e Joe Zawinul, passando pelas composições brasileiras de Tom Jobim e Ari Barroso, e por versões turbinadas de Stevie Wonder, James Brown e Michael Jackson.

Ficha Técnica
Coordenação Executiva: Carlos Badia, Rafael Rhoden e Carlos Branco
Curadoria: Carlos Badia
Realização: Experimentais-CriaCultura, FlyAudio e Branco Produções
Produtores Executivos: Bruno Melo e Mateus Staniscuaski
Coordenador de Produção: Carlos Branco, Rafael Rhoden e Carlos Badia
Equipe de Produção: Bruno Melo, Mateus Staniscuaski, Carlos Badia, Carlos Branco, Rafael Rhoden, Eduardo Elias, Luiz Selmar, Vítor Badia, Daniela Ramirez.
Assessoria e Coordenação de Projeto: Daniela Ramirez
Assessoria de Imprensa: Adriana Martorano
Redes Sociais: Agência Oficial
Jornalista/Produção de Conteúdo: Roger Lerina
Arte: Giovane Silva (Giovane Design)
Direção de Palco: Elias Preto
Roadies: Marcelo Campos
Técnico de Som: Tiago Becker
Sonorização: MS Produções
Patrocínio Master: Souza Cruz
Apoio: Poa Jazz Festival | Agibank | Instituto Estadual de Música | Secretaria de Cultura, Desporto e Turismo do Estado do RS | Casa de Cultura Mario Quintana

Fonte: Adriana Martorano

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA