Sete Imagens Itinerante no Calçadão da XV de Novembro com 4 curtas metragens

O projeto Sete Imagens idealizado e realizado pela Secretaria de Cultura / Theatro Sete de Abril, com o apoio do IF – Sul e Centro de Artes – UFPel, acontece mensalmente no auditório da ASUFPel. Na próxima quinta-feira, dia 29 de setembro será realizada sua edição itinerante no Calçadão da XV de Novembro, próximo ao quiosque Nelson Nobre. A edição tem início às 18h30min.

A edição aberta ao público em geral, no centro da cidade, já era uma demanda estudada pela comissão organizadora desde o início do projeto e será realizada nesta edição. Na ocasião serão exibidos quatro curtas metragens, sendo duas produções pelotenses e duas convidadas de Porto Alegre.

Os curtas a serem apresentados são os seguintes:

A invasão do Alegrete – Porto Alegre
Brasil, Rio Grande do Sul. Duas cidades vizinhas: Alegrete e Uruguaiana. Uma rivalidade histórica. Após a instalação do primeiro telefone público em Alegrete, dois uruguaianenses resolvem passar um trote em Doutor Sérgio, único possuidor de telefone da cidade rival: Uruguaiana prepara A Invasão do Alegrete. Famoso em dar notícias ruins vindas de longe, Doutor Sérgio parte, junto com seu fiel escudeiro Paulinho, numa jornada repleta de surpresas em busca de ajuda para defender a cidade. Recebeu as seguintes premiações: 37o Festival de Gramado, 2009/Mostra Nacional: Melhor Roteiro e Melhor Ator – Miguel Ramos. Mostra Gaúcha/Prêmio Assembléia Legislativa: Melhor Roteiro 8o Santa Maria Cine Vídeo: Melhor ator (Miguel Ramos) e Melhor Filme (Júri Popular), 2o Festival do Júri Popular (2010) – Melhor Filme (eleito por Salvador) 4° Festival de Cinema na Floresta (Alta Floresta/MT) 2010 – Melhor Média Metragem.

The walking death
O curta, com direção de Maciel Fischer, trata de forma cômica, o conturbado dia-a-dia da Morte, personagem do imaginário popular, bem como de seus medos e traumas.

Sentimentário
O curta Sentimentário é uma animação produzida por Carolina Araújo e Caio Mazzilli, estudantes de Cinema – UFPel, baseado no conto de Marina Myazak: “Letras, palavras e sentimentos”. A animação conta a história de uma criança inconformada com a frieza das definições das palavras nos dicionários. O menino quer mais. Ele quer um sentimentário.

Palavra roubada – Porto Alegre
O filme Palavra Roubada, uma realização da Modus Produtora, com direção de Mirela Kruel, estreou oficialmente na mostra competitiva de curtas-metragens gaúchos do 37º Festival de Cinema de Gramado, que aconteceu de 9 a 15 de agosto de 2009. A mostra gaúcha foi no dia 13.

A ficção fala de dois homens que têm os sentimentos transformados depois de lerem cartas de amor contidas na maleta que roubaram de um idoso. “Roubo da memória, do amor e das palavras”, define a diretora que, a partir do argumento que criou, finalizou o roteiro com a participação da escritora Susana Vernieri e dos atores envolvidos no projeto. O filme teve todos os diálogos construídos durante os ensaios com a equipe que conta com os atores Milton Mattos, Marcelo Adams, Rodrigo Fiatt e Valéria Lima.

Fonte: Theatro Sete de Abril

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *