Renã Burkert, o primeiro Pelotense a integrar o Cirque du Soleil

De Pelotas para o Mundo, Renã Burkert embarcou para a Alemanha no último dia 23 de junho, para integrar o espetáculo Sonor, onde passou pela montagem do novo número de Roda Cyr criado a partir de suas técnicas.

Iniciando em 2004 no grupo de Capoeira Filhos da Roda. Na sequencia Renã integrou o Grupo Tholl, fundou o grupo Conexão, entrou para o time de artistas do Beto Carrero Word e conquistou o 5º lugar no World Championships 2016 in Wheel Gymnastics.

Foto Arquivo Pessoal
Foto Arquivo Pessoal

Trajetória
Renã fez parte do grupo de capoeira Filhos da Roda durante 4 anos, saindo em 2007 quando entrou para o Grupo Tholl onde teve o primeiro contato com a Roda Cyr, e a partir daí começou a treinar e se dedicar a esta técnica, tendo suas primeiras lições através de vídeos da internet, pois na época era uma modalidade pouquíssimo conhecida no Brasil.

Beto Carrero - Arquivo Pessoal
Beto Carrero – Arquivo Pessoal

Em 2010 criou o Grupo Sincronia, que em seguida passou a se chamar Conexão, e ganhar espaço na cidade e região com animações a apresentações do espetáculo Eletro Cirque. Já em 2013, foi chamado para integrar os shows do Parque Beto Carrero Word onde ganhou visibilidade e intensificou sua rotina de treinamentos sempre buscando evoluir e aprimorar seu número solo.

5º lugar no World Championships 2016 in Wheel Gymnastics
5º lugar no World Championships 2016 in Wheel Gymnastics

No ano de 2016 com muita determinação e dificuldade conseguiu representar o Brasil no Campeonato Mundial de Rodas, em Cincinnati, EUA, conquistando o 5º lugar na modalidade Cyr Whee e colocando o Brasil como referência no topo da ginastica de Rodas.

Após o título do campeonato mundial Renã redobrou sua rotina de treinos pois queria ainda mais, sempre acreditou que precisava ser o melhor naquilo que se propôs desenvolver, foi quando em março de 2018 resolveu participar do teste para o Cirque du Soleil, sendo selecionado para integrar o núcleo de Casting.

Ranã - Cirque du Soleil
Ranã – Cirque du Soleil

No dia 19 de junho de 2018 recebeu um e-mail com instruções para assinatura de contrato e confirmação de dados de passagens, vindo a embarcar para a Alemanha do último dia 23 de junho para integrar o espetáculo Sonor, onde passou pela montagem do novo número de Roda Cyr criado a partir de suas técnicas, para ser apresentado em um cruzeiro pela Europa a bordo do navio na MSC Meraviglia em parceria com o Cirque du Soleil.

Renã sempre acreditou no seu sonho e mesmo achando que ele estava muito distante jamais deixou de dar o seu melhor e de valorizar cada passo dado para seu crescimento. Sempre soube agradecer os amigos e familiares que estiveram por perto nos momentos de desanimo e dificuldade, pois, sem o apoio destes nada seria possível.

Cirque du Soleil 3Hoje, realizado por esta conquista ele declara: “Acredito que Pelotas está no cenário mundial em muita coisa, mas no circo é a primeira vez. Tenho muito orgulho de entrar na história da cidade com um feito que sempre foi meu sonho. Obrigado Pelotas!”

Mesmo sabendo do seu alto grau de evolução nestes últimos anos sempre manteve os pés no chão e muita humildade para agradecer a todos aqueles que lhe ajudaram a subir cada degrau desde o seu início, e toda a vez que visita Pelotas aproveita para ver sua família e arruma um jeito de visitar seus velhos amigos.

É com muito orgulho que comprovamos o quão qualificado é este Pelotense e o quanto vale a pena lutar pelo que acreditamos. A realização deste sonho não é só do Renã, mas de todos que sempre acompanharam sua trajetória, acreditaram e torceram por ele.

Foto Arquivo Pessoal
Foto Arquivo Pessoal

Fonte: Débora Pinheiro

Bloco da Laje integra o lineup do Psicodália 2018 em Santa Catarina

A Laje estará ao lado de artistas como Jorge Benjor, Zé Ramalho, Lô Borges, Boogarins, Tutti-Frutti, Arrigo Barnabé, Tulipa Ruiz, Mustache e os Apaches, Mulamba e muito mais.

30/09/2017 - Baile Carnavalesco do Bloco da Laje, no Bar Opinião. Foto: Guilherme Santos
30/09/2017 – Baile Carnavalesco do Bloco da Laje, no Bar Opinião. Foto: Guilherme Santos

São sete anos de bloco na rua, de alegria, arte e irreverência! O bloco de carnaval mais animado do sul do país não para de anunciar novidades!!!! Depois da participação linda no Morrostock 2017, onde mais uma vez botou o povo pra dançar e renovou os sonhos da galera, o grupo anuncia agora nada mais, nada menos, que sua presença no Psicodália. No tradicional feriado de Carnaval, entre 09 e 14 de fevereiro de 2018, o Bloco da Laje monta acampamento na Fazenda Evaristo – Rio Negrinho, em Santa Catarina.

São sete anos de um sonho coletivo, espaço-pulmão para diversos grupos artísticos e para um grande grupo de pessoas que quer se encontrar nas ruas da cidade para trocar experiência e afeto, espaço-político para olhar no olho e refletir sobre o que estamos/estão fazendo com as cidades, com as pessoas, com a natureza. Para todas as facetas desse organismo, o Bloco da Laje dá o seguinte recado: há que se despertar para o essencial, sensibilizar-se com o universo que nos cerca, aproximar-se dos corações para que nossas escolhas e movimentos sejam certeiros, fortes, transformadores!

Trabalho, dedicação, alegria, irreverência, amor à causa e arte saindo pelos poros. Assim o Bloco da Laje encara os desafios. Recentemente emplacou mais um financiamento coletivo para sua saída tradicional pelas ruas de Porto Alegre nos festejos de carnaval, que levou uma multidão para a Zona Norte da cidade, colorindo o Parque Alim Pedro e arredores. Agora o grupo reúne energias e inspirações pra apresentar no Psicodália e já tem para os próximos meses muitos shows agendados para os grandes palcos de Porto Alegre, entre eles, o Pepsi on Stage, onde irá se apresentar em junho, dia 16, ao lado de Baiana System e Liniker, no Morrostock Poa.

O Bloco da Laje nasceu em 2012 da vontade de um grupo de amigos ligados às artes de brincar o carnaval nas ruas de Porto Alegre. A dinâmica desde o início foi contemplar os afetos e as trocas presenciais em ensaios abertos nos espaços públicos e aproveitar os recursos disponíveis – a tal da estética do improviso. Cada vez mais pessoas foram se aproximando e hoje o Coletivo é uma grande família, onde cerca de 100 pessoas estão envolvidas diretamente no trabalho que acontece durante o ano todo. A brincadeira cresceu tanto que hoje o Bloco da laje é considerado um importante movimento artístico-cultural da cidade. Em 2013 foi contemplado com o Fundo de Apoio à Cultura (FAC) do Governo do Estado do Rio Grande do Sul e, com esse prêmio, realizou um mergulho na história do Carnaval de Rua de Porto Alegre apresentando seminários, oficinas e dois cortejos em territórios carnavalescos tradicionais da cidade: o Quilombo do Areal da Baronesa e antiga Colônia Africana. Outro reconhecimento do trabalho realizado foi o I Prêmio Diversidade RS ao qual o Bloco foi contemplado na categoria Carnaval de Rua.

BLOCO DA LAJE no PSICODÁLIA 2018
Apresentação dia 09, sexta, no Palco dos Guerreiros
Fazenda Evaristo – Rio Negrinho, em Santa Catarina

30/09/2017 - Baile Carnavalesco do Bloco da Laje, no Bar Opinião. Foto: Guilherme Santos
30/09/2017 – Baile Carnavalesco do Bloco da Laje, no Bar Opinião. Foto: Guilherme Santos

Fonte: Bebê Baumgarten Comunicação